Início Notícias Sesc RJ Flamengo enfrenta nesta sexta o Minas, em busca da recuperação...

Sesc RJ Flamengo enfrenta nesta sexta o Minas, em busca da recuperação na Superliga

Sesc flamengo
Reprodução


O Sesc RJ Flamengo tem utilizado bem a energia positiva de sua torcida na Superliga Feminina. Na quarta colocação da tabela de classificação, com 36 pontos, o time comandado pelo técnico Bernardinho tem um confronto direto pelo terceiro posto com o Minas (terceiro, com 40 pontos), nesta sexta-feira (17.03), às 21h, no Tijuca Tênis Clube. E sabe que o reforço vindo das arquibancadas será fundamental para sair de quadra com a vitória, principalmente depois de dois resultados adversos. O SporTV 2 transmite ao vivo.

O elenco do Sesc RJ Flamengo sabe também que precisará de mais do que o apoio de seus fãs para superar o atual campeão da Superliga. As equipes se enfrentaram recentemente, na semifinal da Copa Brasil, e o time mineiro levou a melhor por 3-1. O revés, no entanto, serviu de aprendizado para as jogadoras rubro-negras conseguirem traçar estratégias para tentar frear a boa fase minastenista.

“Tenho certeza de que será um jogo duríssimo. O Minas vive ótima fase e é um time com muitos pontos a se destacar. Do nosso lado, precisamos buscar novamente um bom saque e uma boa recepção para conseguirmos imprimir o nosso ritmo na partida. Será bom contar com a nossa torcida também. Sei que teremos casa cheia e vamos dar o nosso melhor em busca dessa vitória”, disse Juciely.

Com força máxima, o Sesc RJ Flamengo treinou forte durante a semana e analisou os erros cometidos nos últimos confrontos. A meta agora é apresentar outra postura dentro de quadra, já que um novo campeonato aguarda a equipe rubro-negra nos playoffs.

“A Superliga é um campeonato muito dinâmico, então a gente precisa fazer os ajustes nesses poucos dias entre os jogos. É claro que não estamos satisfeitas com o que fizemos nas últimas partidas, mas temos que olhar para frente e continuar buscando a melhor condição possível para chegarmos bem aos playoffs”, afirmou Juciely.

Fonte: Diário do Fla