Início Notícias Dirigente do Fla responde Ana Thaís Matos sobre críticas a Gerson

Dirigente do Fla responde Ana Thaís Matos sobre críticas a Gerson

Gerson
Reprodução

O dito popular “água mole, pedra dura, tanto bate até que fura”, é perfeito para contar a história do Flamengo para repatriar Gerson. Isso porque no último dia de 2022, o rubro-negro finalmente convenceu o Olympique a vender o volante para o time carioca, deixando a torcida feliz da vida. No entanto, a contratação recebeu críticas também. Nesse sentido, um dirigente do Fla foi a público responder a uma dessas críticas.

Através de sua conta no Twitter,Rodrigo Dunshee, Vice-presidente Geral e Jurídico do Flamengo, rebateu a fala da jornalista Ana Thaís Matos, que afirmou que, ao voltar para o Brasil, Gerson permanecia na ‘zona de conforto’, lamentando a volta do jogador ao Fla. De acordo ainda com a comentarista, “a primeira alternativa do jogador que se frustra na Europa é voltar ao Brasil, e não se reinventar em outra liga”

“O Gerson classificou o Olympique para Champions e levou o clube ao vice-campeonato da França, atrás do PSG. Ele bateu metas contratuais q geraram prêmios ao Flamengo e a ele. Não é um atleta que se frustrou. Sem essa de invejar o exterior e derrubar o brasileiros. Jogar no Flamengo é o melhor”, respondeu Dunshee.

Gerson volta ao Flamengo e usará a camisa 20, já que a 8 atualmente pertence a Thiago Maia. O jogador chegou no Rio na manhã desta segunda-feira.

 

Fonte: Diário do Fla