Início Notícias "Jogar no Flamengo é o melhor"; Dirigente do Fla 'detona' Ana Thaís...

"Jogar no Flamengo é o melhor"; Dirigente do Fla 'detona' Ana Thaís após crítica sobre volta de Gerson

Rodrigo Dunshee respondeu as críticas da comentarista 

Nos últimos dias, o noticiário do Flamengo foi tomado pela possível volta do volante Gerson, que atualmente joga no Olympique de Marselha (FRA). O Fla está muito próximo de acertar com o jogador, que deve desembarcar neste domingo no Rio de Janeiro para acertar os últimos detalhes com a Diretoria e, se tudo ocorrer bem, assinar contrato. 

Na última sexta-feira (30), a comentarista da TV Globo e SporTV, Ana Thaís Matos, criticou o retorno de Gerson ao futebol brasileiro. Ana argumentou que o meio-campista, que tem 25 anos de idade poderia continuar seu caminho ainda na Europa em vez de jogar mais uma vez no Ninho do Urubu, onde foi um dos destaques do Clube entre 2019 e 2020.



“Lamento o retorno. Não pelo Flamengo, para ele (Gerson) seria incrível, voltar para o lugar, o país e time que deu tão certo, mas a primeira alternativa do jogador que se frustra na Europa é voltar para o Brasil. Ele não tenta se reinventar em outro time. Tentar em outro lugar, jogar em outra liga, Portugal ou na Espanha, sinto muito que a primeira alternativa seja voltar para essa zona de conforto que é o futebol brasileiro”, disse Ana na ocaisão.

RJ - Rio de Janeiro - 13/06/2021 - BRASILEIRO A 2021, FLAMENGO X AMERICA-MG - Gerson jogador do Flamengo durante partida contra o America-MG no estadio Maracana pelo campeonato Brasileiro A 2021. Foto: Thiago Ribeiro/AGIF
 Foto: Thiago Ribeiro/AGIF – Gerson deve retornar ao Flamengo em 2023 

No último sábado (31), foi a vez do vice-presidente geral e jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee, rebater a jornalista nas redes sociais. Dunshee afirmou que o período do meio-campista na Europa foi bom e não se deve desmerecer o Brasil e o futebol brasileiro para valorizar o futebol estrangeiro. Dunshee ressaltou ainda, que o ‘melhor é jogar no Flamengo’. 



“O Gerson classificou o Olimpique para Champions e levou o clube ao vice-campeonato da França, atrás do PSG. Ele bateu metas contratuais q geraram prêmios ao CRF e a ele. Não é um atleta que se frustrou. Sem essa de invejar o exterior e derrubar o BR. Jogar no Flamengo é o melhor”, rebateu o dirigente. 

Fonte: Bolavip