Início Notícias Flamengo hoje: presidente abre o jogo e dá notícia desanimadora sobre contratação...

Flamengo hoje: presidente abre o jogo e dá notícia desanimadora sobre contratação de Gerson

Rodolfo Landim admite o desejo de contar com o volante em 2023, mas afirma que o valor pedido pelo Olympique de Marselha dificulta o negócio

O Flamengo não está disposto a desembolsar o valor pedido pelo Olympique de Marselha para contratar o volante Gerson. Pelo menos é o que diz o presidente Rodolfo Landim. Em entrevista à TNT Sports, o mandatário do clube carioca afirmou que a pedida dos francês está acima do que o clube Rubro-Negro pode arcar neste momento. 

A princípio, o Olympique de Marselha quer algo em torno de 20 milhões de euros pelos 80% dos direitos econômicos que tem de Gerson. Ou seja, cerca de R$ 112 milhões, na cotação atual. O Flamengo, entretanto, deseja comprar entre 50% e 60% desses direitos, lembrando que o próprio Rubro-Negro ainda é dono de 20%.

“Não sei se é uma estratégia do Olympique de Marseille para tentar colocar o preço dele acima do nível do preço que nós vendemos. Por esse preço, nós vendemos. Não vamos comprar”, disse Rodolfo Landim, que completou:

“Imagino que o Gerson, por tudo que ele demonstrou, ele quer vir para o Flamengo e o Flamengo gostaria muito de ter ele. A gente até entende, é o valor que o Olympique está cobrando e tem o direito de cobrar, tem um jogador sob contrato, mas é muito além do que estamos, realmente, podendo pagar.”

Gerson no Flamengo:

O presidente do Olympique de Marselha, Pablo Longoria, admitiu as conversas com o Flamengo por Gerson há algumas semanas. O mandatário francês, entretanto, negou qualquer tipo de acerto pela transferência.

“Para começar, é verdade que estamos em negociação com o Flamengo, acho que isso já é público. No momento ainda não há um acordo com o clube. Como vocês sabem, Gerson está no Brasil com nossa permissão. A análise geral da situação é importante, aqui não jogamos Playstation, não estamos jogando Fifa. É uma situação que envolve o jogador, sua personalidade, sua vontade, seu entorno”, disse Longoria.

Gerson está no Brasil desde o dia 12 de novembro, quando desembarcou no Rio de Janeiro para o período de férias. Na ocasião, Marcão, pai e empresário do jogador, já deixava claro o desejo do volante em retornar ao Flamengo, mas indicava que não seria uma negociação fácil.

“As coisas não são fáceis para fazer uma operação como essa, um jogador que tem contrato. Não é fácil, mas acredito que vamos à frente. Com todo respeito ao Olympique de Marseille, hoje a vontade do Gerson é ser feliz. Sendo feliz como? Atuando no clube que ele ama (…) Não é uma operação fácil, mas acho que vamos conseguir. Temos contrato, ainda três anos, com o clube francês, mas vai se resolver”, disse Marcão ao canal Paparazzo Rubro-Negro.

Fonte: Torcedores