Início Notícias David Luiz revela conversa que teve com Pedro: ‘Ele ficou p… comigo”

David Luiz revela conversa que teve com Pedro: ‘Ele ficou p… comigo”

David
Marcelo Cortes/CRF

Uma das lideranças do elenco do Flamengo, tanto dentro quanto fora de campo é a do zagueiro David Luiz. O jogador é um dos pilares de sustentação da grande fase que o time viveu em 2022, além de ser um dos responsáveis pela virada de chave rubro-negra, que terminou com os títulos da Copa do Brasil e da Libertadores. Nesse sentido, o camisa 23 revelou uma conversa que teve com o atacante Pedro, que ajudou e muito na evolução do atacante.

Em entrevista ao “GE”, David comentou da felicidade em ver o crescimento de seus companheiros e que sempre quer ajudar, seja dentro ou fora das quatro linhas. Esse foi o caso de Pedro, que não recebeu muito bem, o primeiro “conselho” do defensor.

“A primeira vez que eu falo com o Pedro, ele fica p… comigo. Porque eu falei com ele de forma dura. O Pedro é um menino doce, um coração incrível, mas fui bem sincero e falei: “Dessa forma que você treina não vai acontecer. Você pode falar mil coisas para mim, mas há algo que não tem como negociar, que é o trabalho, a dedicação. Você não querer evoluir todos os dias é inegociável”. E as pessoas que trabalham, em qualquer área, para proteger o trabalho delas, quando perdem esse trabalho não vão ter nenhum. Quem trabalha para evoluir, quando perder vai ter inúmeras oportunidades”, declarou David.

Só lembrando, que Pedro não foi o único a escutar e ser alavancado por David Luiz. Leo Pereira e Rodinei também tiveram conversas com o zagueiro, que comentou sobre:

“É legal ver que me escutam, querem. O Léo foi um deles! Quando vi o Léo e o Rodi campeões da Copa do Brasil e batendo pênalti, fiquei totalmente emocionado e feliz. Se o pênalti dos dois não tivesse entrado, eles não receberiam o que mereciam. Ia faltar a cereja do bolo. Quando vi os dois batendo o gol de pênalti, a gente sendo campeão, vi que vale a pena a gente fazer as coisas corretas”, falou o camisa 23, que continuou…

“Falei com o Léo no Maracanã depois de um jogo: “Acende a chama no seu coração para jogar futebol igual seu olho brilha jogando futevôlei comigo. Eu só vou embora do Flamengo quando ver seu olho brilhando comigo de novo”. Eu sempre amei jogar mais do lado esquerdo do que direito, mas a vida desenhou que eu estivesse perto do Rodinei ali… Isso é o que faz a vida ter sentido. É gratificante de coração, porque é real, porque é isso. As pessoas acham que somos super-heróis. Ninguém é e poder encaminhá-los a viver o que eu vivi me deixa muito feliz. Ver o que Pedro ir para Copa do Mundo me deixa muito feliz. Vivi isso e sei o quanto isso mexe com a nossa família”, concluiu.

 


Fonte: Diário do Fla