Início Notícias “Que vá para o…”; Mauro Cézar surpreende e ironiza polêmica de titular...

“Que vá para o…”; Mauro Cézar surpreende e ironiza polêmica de titular do Flamengo na Seleção


Jornalista apontou responsáveis por desempenho duvidoso na Seleção

Gabigol foi decisivo mais uma vez para o Mengão, e o poder letal do atacante foi fundamental para que o Flamengo conquistasse seu tricampeonato na Copa Libertadores, com o gol do camisa 9 da Gávea, na vitória por 1 a 0 sobre o Athletico-PR, em Guayaquil. Com o atacante brilhando novamente, uma vaga para Gabigol na Copa já esquenta os debates.



Durante o programa “Bate Pronto”, da Jovem Pan, o jornalista Mauro Cézar Pereira, foi indagado sobre uma possível chance para o camisa 9. Mauro usou a ironia para responder a pergunta de Thiago Asmar: “Menos de 48 horas depois de o Flamengo ganhar a Libertadores, eu quero que a seleção brasileira vá para o inferno. O Gabigol fez o gol do título e eu vou ficar me preocupando com Seleção Brasileira?”, afirmou o jornalista.



Na sequência, ironias à parte, o jornalista detalhou sua resposta e, para ilustrar, expôs o peso de Gabigol para a Nação: “O cara fez quatro gols em três finais (de Libertadores), resolveu o jogo. Se não convocar, azar do Tite, azar da seleção e azar do Gabigol também, nem precisa mais. O cara está na história do Flamengo, é detestado pelos rivais e amado pela torcida. Ele teve uma participação importantíssima na temporada”, explicou.



Mauro também abordou a passagem do camisa 9 pela Seleção e identificou um responsável pelo fato do artilheiro não ter chamado atenção com a camisa canarinho:  “O jogador quando não vai bem na seleção brasileira, muitas vezes é culpa do técnico. O Vinicius Júnior já foi escalado como secretário de lateral-esquerdo pelo Tite. Às vezes o técnico não consegue, não sabe ou não quer utilizar um jogador da maneira que ele possa render o que é capaz”.

Fonte: Bolavip