Início Notícias Torcida do Furacão se revolta com expulsão de Pedro Henrique e elege...

Torcida do Furacão se revolta com expulsão de Pedro Henrique e elege ‘vilão’ do vice da Liberta; “Nunca irei te perdoar”


Furacão jogou o segundo tempo inteiro com um jogador a menos e buscou o empate até o apito final

O Athletico-PR surpreendeu na final da Libertadores deste sábado (29). Primeiro, o técnico Felipão tirou surpresas da cartola, especialmente com Vitor Bueno e Vitor Roque no ataque. Depois, o Furacão fez bonito em campo no início da decisão contra o Flamengo pelo título intercontinental. Até o panorama da partida mudar, já nos minutos finais do primeiro tempo.



Ofensivo e valente no embate, foi o time paranaense que criou as melhores oportunidades e chegou mais perto de abrir o placar. Isso até os 42 minutos de jogo, quando a história do confronto se modificou. O zagueiro Pedro Henrique recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso, após chegar atrasado em disputa de bola e, de carrinho, acertar Ayrton Lucas. 

O defensor vinha se sobressaindo e ganhando todos os embates na defesa do Athletico, especialmente contra o centroavante Pedro. Até então, era o time paranaense quem tinha criado as melhores chances. Felipão chamou Matheus Felipe para recompor a zaga, mas segurou a alteração e optou por deixar Fernandinho cobrindo o setor. 

Até que, aos 48′, Éverton Ribeiro fez grande jogada pela direita e encontrou Gabigol, que surgiu nas costas de Fernandinho, com o gol livre para marcar. E o 1 a 0 se manteve no placar até o apito final. Pedro Henrique tinha atuação de destaque até os minutos finais do primeiro tempo, anulando Pedro, que ainda viria a ser eleito pela Conmebol o melhor jogador da Libertadores. Mas, a expulsão tornou o defensor vilão apontado pela torcida. 



Veja algumas reações na Web:

 

“Pedro henrique nunca irei te perdoar”:

 

“Saiu caro demais ter o medíocre do Pedro Henrique em campo, espero nunca mais ver ele vestindo a camisa do CAP”;

 

“Um jogo absolutamente equilibrado entregue por um jogador profissional completamente desequilibrado. Gabigol estava de costas pro gol no 1º amarelo. É inacreditável o tamanho da irresponsabilidade num jogo desse tamanho…”

 

“Parabéns Pedro Henrique, jogou tudo isso fora…”;

 

“Demita o Pedro Henrique, ele não pode pisar em Curitiba!”:

 

“DEMISSÃO PRA ONTEM DO PEDRO HENRIQUE”.

 

Fonte: Bolavip