Início Notícias "Vi uma pessoa morrer"; Internado, Pablo Marí se manifesta pela 1ª vez...

"Vi uma pessoa morrer"; Internado, Pablo Marí se manifesta pela 1ª vez após ser esfaqueado pelas costas na Itália

O zagueiro, que atualmente está emprestado ao Monza, foi um dos alvos de um atentado ocorrido em um shopping

Os torcedores do Flamengo jamais esquecem das ótimas atuações de Pablo Marí, que ficou pouco tempo no elenco, mas sempre demonstrou uma enorme capacidade técnica dentro de campo. O zagueiro, que está emprestado ao Monza, da Itália, virou assunto na última quinta-feira (27) ao ser esfaqueado em um ataque que fez cinco vítimas em Milão.

 



 

Conforme publicou o UOL Esporte, depois de tamanha repercussão, inclusive no Brasil, o espanhol falou pela primeira vez sobre o episódio e tranquilizou os fãs sobre seu estado de saúde. Internado no hospital Niguarda, conversou com Adriano Galliani, dono do time italiano, atualizando a todos sobre seu estado de saúde.

 

 

“Hoje tive sorte, porque vi uma pessoa morrer na minha frente”, iniciou Marí ao dirigente, que repassou as palavras ao Gazzetta Dello Sport, completando: “Pablo é um cara incrível. Ele teve força para brincar e me disse que, na segunda-feira, estará em campo. Trouxe cumprimentos de todos os amigos que gostariam de vir aqui mesmo que, obviamente, não fosse possível. Ele provavelmente foi salvo por sua altura”, ressaltou.

 

Foto: Jeferson Guareze/AGIF - Zagueiro é carinhosamente lembrado por sua passagem no Flamengo.
Foto: Jeferson Guareze/AGIF – Zagueiro é carinhosamente lembrado por sua passagem no Flamengo.

 

Ainda de acordo com informações passadas pelo dono do Monza, Marí, que tem 1,93m, caminhava com sua esposa e filho quando foi surpreendido pelo homem, que o esfaqueou nas costas. Logo depois, o zagueiro viu o agressor atacar uma mulher no pescoço: “Do ponto de vista psicológico, me parece que não há problemas, mesmo que eu não seja médico”, concluiu Galliani. Importante destacar que Pablo também sofreu um ferimento na boca.

 



 

De acordo com informações passadas diretamente pela imprensa italiana, uma das vítimas morreu e outras duas ficaram feridas com gravidade. Os policiais que estiveram presentes no local confirmaram que, apesar do beque estar entre as pessoas que foram atacadas, não sofreu danos graves. O causador de todo esse problema gravíssimo foi capturado e entregue à polícia, que revelou distúrbios mentais. 

Fonte: Bolavip