Início Notícias Copa Libertadores: Repórter sofre tentativa de assalto em transmissão ao vivo...

Copa Libertadores: Repórter sofre tentativa de assalto em transmissão ao vivo em frente ao estádio da final


A briga pelo título da Copa Libertadores entre Flamengo e Athletico-PR acontece no sábado (29), em Guayaquil, Estádio Monumental, no Equador

A briga pelo título da Copa Libertadores entre Flamengo e Athletico-PR acontece no sábado (29), em Guayaquil, Estádio Monumental, no Equador, com transmissão do streaming Star+. O público, até agora, assim como na final da Copa Sul-Americana, não é o que a Conmebol esperava e a entidade poderá fazer mudanças para a próxima temporada. 

Um fato curioso aconteceu em uma transmissão ao vivo no local da final. Uma repórter sofreu uma tentativa de assalto no Estádio Monumental enquanto estava fazendo o seu trabalho, e só foi “salva” porque os assaltantes perceberam que estavam ao vivo. 

Vanessa Robles, da Teleamazonas, foi abordada por dois homens que estavam numa moto, e segundo a jornalista, um deles estavam armado. E ao perceberem que estavam sendo filmados, fugiram e cobriram os rostos. 



Guayaquil fica a cerca de 420 quilômetros de Quito, capital do Equador. E vem enfrentando problemas de segurança, prinicpalmente com o crime organizado. Em setembro, o promotor público Edgar Escobar foi assassinado, e houve crescimento de crimes em diferentes áreas. 



Se você não conseguiu o ingresso para a final entre Flamengo x Athletico-PR, poderá “assistir aqui” a partida que promete ser bem disputada e cheia de emoção. Enquanto o Mengão busca o tricampeonato, o time paranaense quer conquistar o seu primeiro título da América. 

 

 

Fonte: Bolavip