Início Notícias Brasileirão 23 pode reunir 16 das 20 maiores torcidas do país

Brasileirão 23 pode reunir 16 das 20 maiores torcidas do país

Sinalizadores na torcida do Flamengo – Foto: Staff Images

BLOG DO PVC: A última grande pesquisa de torcidas do Brasil, publicada em julho pelo jornal O Globo, em parceria com o Ipec, indicou os vinte clubes mais populares do país. Pela ordem: Flamengo, Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Vasco, Grêmio, Cruzeiro, Internacional, Santos, Atlético Mineiro, Bahia, Botafogo, Fortaleza, Sport, Fluminense, Paysandu, Ceará, Vitória, Santa Cruz e Athletico Paranaense.

Qualquer um pode discutir a metodologia, duvidar de pesquisas, mas a enquete está aí, publicada. Levando em conta a veracidade dos números, esta será a primeira vez, desde 1993, em que dezesseis das vinte maiores torcidas estarão na Série A.

São trinta anos. Nunca Athletico Paranaense, Fortaleza, Ceará e Bahia estiveram juntos com os doze mais populares do país, grupo em que estão Vasco, Cruzeiro e Grêmio, que neste ano lutaram neste ano para retornar à elite.

É possível debater os números, mas é inegável que a presença de tantos clubes populares permitirá um trabalho forte, para dinamizar o público nos estádios. Este Brasileirão de 2022 está perto de ser o segundo em público na história do campeonato, o índice mais positivo desde os 22.900 espectadores por jogo registrados em 1983.

Agora, são 21 mil torcedores por jogo. É preciso consolidar os números ao final da temporada. O número é ainda mais surpreendente levando em conta as presenças de Juventude, Avaí e Cuiabá, prováveis rebaixados e sem representatividade na última pesquisa. Substituídos por Cruzeiro, Vasco, Grêmio e Bahia, aumentarão a chance de ter mais gente nos estádios.

Mas não será por rezar mais ou menos. É preciso reumir os clubes, compreender com os departamentos de marketing o que está funcionando de mirar índices mais altos. É possível chegar a 25 mil de média, tendo dezesseis dos vinte clubes mais populares do país na Série A.