Início Notícias Flamengo volta a conversar com Diego Rossi

Flamengo volta a conversar com Diego Rossi

Diego Rossi – Foto: Divulgação

TORCEDORES: Por Wilson Pimentel

O Flamengo voltou a pensa na contratação do atacante Diego Rossi, que atua no Fenerbahçe, da Turquia. O uruguaio, que pertencia ao Los Angeles FC, dos Estados Unidos, foi adquirido em junho por 5,5 milhões de euros (R$ 28,5 milhões, pela cotação atual).

O Torcedores.com apurou que a diretoria rubro-negra voltou a intensificar as conversas na última semana as tratativas pelo atleta, que é um sonho antigo do Flamengo. Diego Rossi deseja deixar o clube devido à falta de visibilidade no futebol turco.

A temporada
Jogos: 18
Titular: 12
Reserva utilizado: 6
Gols marcados: 1
Assistências: 5
Minutos em campo: 1066

Desta vez, o Flamengo pretende utilizar o argumento de que tem um time competitivo onde possa ser tratado como protagonista. No Fenerbahçe, por exemplo, ele tem o status de “rotação de plantel”. O atacante, em outras palavras, não é titular absoluto.

Além disso, a diretoria rubro-negra já tomou conhecimento de que o uruguaio subiu o tom recentemente com o técnico Jorge Jesus. O Mister o colocou em campo faltando um minuto para acabar o clássico contra o Besiktas.

Jogos na temporada
Liga Europa: 4
Liga Europa (fase preliminar): 4
Liga dos Campeões da Europa (fase preliminar): 2
Campeonato Turco: 8

Na ocasião, o jogador sequer tocou na bola e deixou a partida visivelmente irritado com o treinador. Desde então, a relação entre Diego Rossi e Jorge Jesus está estremecida. Posteriormente, ele iniciou os confrontos contra o AEK Lamaca, do Chipre, pela Liga Europa.

Diego Rossi atuou os noventa minutos diante da equipe cipriota. Entretanto, teve atuação abaixo das expectativas e pouco contribuiu em campo. Principal contratação do Fenerbahçe, Diego Rossi também ouvindo críticas da torcida nos jogos em casa.

Desempenho pela seleção uruguaia
Jogos: 4
Titular: 1
Reserva utilizado: 3
Gols marcados: 1
Assistências: 0
Minutos em campo: 134

Ainda segundo apurou a reportagem, o vice-presidente de futebol Marcos Braz e o diretor executivo de futebol Bruno Spindel tratam o assunto com cautela a fim de não inflacionar uma possível negociação.

Em junho, por exemplo, Corinthians, Internacional e Palmeiras fizeram uma investida pelo jogador, quando ainda estava vinculado ao Los Angeles FC. Na época, os clubes, assim como o Flamengo, tentaram contratá-lo por empréstimo.

O que também pode motivar com que ele deixe o clube turco em janeiro do ano que vem é a parceria com Giorgian De Arrascaeta e Guillermo Varella. Os rubro-negros têm relação próxima com o atacante e podem convencê-lo a defender o Flamengo em 2023.

Além disso, ele está preocupado a falta de rodagem com a seleção uruguaia. Embora tenha sido convocado pelo técnico Diego Alonso para os amistosos contra Irã e Canadá, o jogador ainda não tem presença garantida no grupo que irá disputar a Copa do Mundo do Catar.