Início Notícias Neto avalia gestão Patrícia e Bandeira no basquete do Flamengo

Neto avalia gestão Patrícia e Bandeira no basquete do Flamengo

José Neto, ex-técnico do Flamengo – Foto: Divulgação

COLUNA DO FLA: O Flamengo é uma potência no futebol, mas também possui muito renome em outro esporte: o basquete. O treinador José Neto foi um dos grandes responsáveis pelo sucesso do FlaBasquete e se tornou multicampeão comandando o clube. Em entrevista concedida ao PODFLA, podcast do Coluna do Fla, o ex-comandante rubro-negro abriu o jogo e deu nota às gestões de Patrícia Amorim e Eduardo Bandeira de Mello no Mengo.

— Eu peguei ela (Patrícia Amorim) muito no finalzinho, mas eu tenho uma gratidão muito grande. Por causa dela que eu vim para o Flamengo. Então, eu tenho uma gratidão eterna por ela, porque se não fosse ela talvez eu não estivesse no Flamengo e tivesse acontecido tudo isso (conquistas pelo FlaBasquete). Em relação a mim, eu dou nota 10. Como presidente eu vivi muito pouco com ela, eu não posso avaliar uma gestão que eu estive muito pouco. Teve falhas, claro, mas eu não sei se foram só falhas dela. Se foi de uma maneira, é claro que ela era responsável pela gestão -, disse o ex-treinador do FlaBasquete, antes de prosseguir:

— 10. Cara também que eu gostei muito dele (Eduardo Bandeira de Mello), foi quem levou e deu para gente o que a gente precisava para que pudesse ter a condição de trabalhar. Foi um momento difícil, onde estava saindo todo mundo, foi difícil. Acabou dispensando o (César) Cielo, Daniele (Hipólito), depois acabou trazendo de volta o Diego (Hipólito) e a Jade (Barboza), mas acabou saindo todo mundo e ficou só o basquete. E estava no meio do campeonato, e eu falava: cara, a gente precisa ganhar, porque se a gente não ganhar a gente também nem tem muita condição. Se eles quiserem tirar, vão ter que tirar. Mas ele bancou, foi até o final, conseguiu dar aquela responsabilidade para o (Alexandre) Póvoa e para o (Marcelo) Vido naquele momento. É um cara que, assim, eu sou bastante grato também -, completou.

José Neto esteve à frente do Flamengo durante seis anos, no período de 2012 a 2018. Na passagem pelo clube, o ex-treinador rubro-negro título Mundial do Basquete, em 2014, após derrotar a equipe do Maccabi Tel Aviv, de Israel, por 90 a 77, na finalíssima. Além disso, com o técnico, o Mengo ganhou quatro NBBs, o Campeonato Brasileiro do esporte, cinco Campeonatos Cariocas e uma Liga das Américas, equivalente à Libertadores no futebol.

Durante a passagem pelo Flamengo, José Neto viveu duas gestões distintas no comando do clube. A da ex-nadadora Patrícia Amorim, que presidiu o Mengo entre 2010 e 2012, além de Eduardo Bandeira de Mello, que foi mandatário do Mais Querido pelos triênios de 2013-2015 e 2016-2018. Atualmente, o ex-treinador rubro-negro dirige a Seleção Feminina do Brasil e o Petro de Luanda, da Angola.