Início Notícias No Borussia, Reinier diz ter perdido dois anos da carreira

No Borussia, Reinier diz ter perdido dois anos da carreira

Reinier comemorando gol com Halaand no Borussia Dortmund – Foto: Divulgação

TORCEDORES: Por Matheus Camargo

O meia-atacante Reinier deixou o Borussia Dortmund no fim da temporada passada, retornou ao Real Madrid, mas foi repassado ao Girona, outro clube da elite espanhola. Agora com espaço, o que não conseguiu na Alemanha, o ex-jogador do Flamengo admite que “perdeu tempo” no Dortmund.

Em entrevista ao Globoesporte,com, Reinier admitiu que o tempo que “perdeu” na Alemanha não volta mais.

“Passaram dois anos que, para mim, foram perdidos e não vão voltar. Agora tenho que recomeçar dando a vida aqui no Girona.”

Ainda ao Ge, Reinier disse que nem tudo foi ruim na Alemanha. O ex-meia do Flamengo disse que fez colegas no Borussia e que evoluiu como pessoa.

“Pela experiência de vida, sou outra pessoa. Dois anos na Alemanha… sou outra pessoa, outra cabeça”, disse Reinier, que seguiu. “Experiência com grandes jogadores, que hoje são meus amigos. Eles me ajudaram bastante desde que cheguei lá. Não falava inglês, não falava alemão, que é bastante difícil. Eles me ajudaram, Haaland, Emre Can, Jude (Bellingham), e isso foi uma experiência muito boa.”

Porém, no futebol, foi a pior fase do meia-atacante, que chegou a ter espaço em seu primeiro ano, mas no segundo pouco atuou.

“A má é que eu não pude desenvolver meu futebol. Treinava bem, as pessoas, não vou citar nomes, mas as pessoas no treino falavam: ‘Você está treinando muito bem, parabéns, continue assim’, e não botavam para jogar”, lembrou a cria do Flamengo, que disse que é ‘uma pena’ que não tenha conseguido jogar no Borussia Dortmund. “Eu não entendia. Treinava bem e não me botavam para jogar? É uma escolha deles, respeitei todo mundo, a instituição, os jogadores que estavam jogando, mas é uma pena.”