Início Notícias Mano sugere que Corinthians ‘dê porrada’ em Arrascaeta

Mano sugere que Corinthians ‘dê porrada’ em Arrascaeta

Foto: Reprodução

COLUNA DO FLA: O sorteio dos mandos de campo das finais da Copa do Brasil ainda está rendendo debate ao longo da semana. Os duelos entre Flamengo e Corinthians, que acontecem em 12 e 19 de outubro, foram tema de discussão nesta quarta-feira (21). Para o comentarista Maurício Borges, mais conhecido como ‘Mano’, o time paulista deve explorar a pubalgia de Arrascaeta no embate de ida e sugeriu que os jogadores ‘deem porrada’ no uruguaio.

— Arrascaeta já teve momentos melhores dentro do próprio ano do que a fase que está vivendo agora. O Arrascaeta está meio bichado, com pubalgia, isso é uma informação importante para (os volantes) Fausto Vera e Du Queiroz, para cada um dar uma porrada no Arrascaeta e tira ele logo do jogo. É estratégia, não estou pregando a violência — disse Mano, torcedor assumido do Corinthians, em debate no ‘Canal do Benja’, nesta quarta-feira (21).



Durante a semana, foi divulgado que Arrascaeta jogará no sacrifício até o fim da temporada por conta de problemas no púbis. Com a reta final de temporada e às vésperas da Copa do Mundo, o uruguaio fará um tratamento mais conservador, para não perder as partidas até o fim do ano. O caso, inclusive, não é considerado grave.

O Flamengo fará um controle de carga para que o meia esteja nas melhores condições possíveis para os jogos com o Corinthians, pelas finais da Copa do Brasil, e diante do Athletico-PR, na grande decisão da Libertadores da América. Os embates acontecem no mês de outubro. Já em novembro, Arrascaeta embarca para o Catar, para a disputa da Copa do Mundo, com o Uruguai.

Arrascaeta, no momento, está na Europa, onde fará dois amistosos com a Seleção Uruguaia de preparação para o Mundial. A Celeste joga nesta sexta-feira (23), na Áustria, contra o Irã. Já no dia 27, viaja para a Eslováquia, para enfrentar o Canadá. De acordo com o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, há um acordo com a federação do país para ‘cuidar’ do craque da camisa 14.