Início Notícias Apesar de nova cirurgia, Rodrigo Caio descarta aposentadoria

Apesar de nova cirurgia, Rodrigo Caio descarta aposentadoria

Rodrigo Caio segurando troféu de campeão Brasileiro 2020 no Flamengo – Foto: Alexandre Vidal

COLUNA DO FLA: Na tarde desta quinta-feira (22), o Flamengo emitiu um boletim médico sobre Rodrigo Caio, e informou que o zagueiro precisará ser submetido à nova cirurgia para correção de lesão no joelho esquerdo. Após o diagnóstico, que tira o jogador de atividade em 2022, o defensor fez questão de mandar uma mensagem especial aos rubro-negros.

— Saibam que a história do Rodrigo não acabou aqui, pelo contrário. Eu acredito muito na minha força, no propósito de Deus, e tenho certeza absoluta de que Deus tem grandes coisas para a minha vida, e fiz questão de deixar essa mensagem para todas as pessoas que torcem por mim, que acreditam que eu vou superar. Nos vemos na próxima temporada, e saibam que farei de tudo para entregar o máximo para a Nação, que é quem nos deixa sempre com a maior convicção de que vale a pena todo esforço e dedicação para gente alcançar nossos objetivos, e para todas as pessoas que acreditam e que estão ao meu lado. Saibam que farei de tudo para me recuperar, ficar saudável novamente e voltar a fazer o que eu amo, disse.

Em 10 de julho, no jogo contra o Corinthians, Rodrigo Caio sofreu uma lesão no menisco medial do joelho esquerdo, local que havia acabado de se recuperar de outra contusão. No primeiro momento, o departamento médico do Flamengo, junto com o zagueiro, optou por um tratamento não cirúrgico, mas o conservadorismo não surtiu o efeito desejado, sendo necessária a realização de uma artroscopia para correção.

De acordo com o Dr. Márcio Tannure, chefe do departamento médico do Flamengo, a previsão de recuperação é entre seis e oito semanas. Dessa forma, o zagueiro não mais atuará com o Manto Sagrado em 2022. Agora, o foco é realizar a cirurgia e começar a preparar o defensor para a pré-temporada de 2023.

VEJA DECLARAÇÃO NA ÍNTEGRA:
“Eu fiz questão de estar presente para também deixar uma mensagem. Foi um ano bem complicado para mim, fisicamente, mentalmente, onde algumas lesões fizeram com que eu praticamente perdesse a temporada. Mas, não vim aqui para lamentar nada, pelo contrário. Me sinto uma pessoa privilegiada por tudo que construí na minha carreira, por tudo que tenho na minha vida, e sem dúvidas será mais um obstáculo vencido. Em um primeiro momento, a minha opção por não operar, junto com o departamento médico, foi por acreditar que o processo seria bem sucedido de recuperação. Infelizmente não aconteceu. Cheguei ao último estágio com esperança de conseguir retornar a jogar sem dores, infelizmente não aconteceu. Acredito que, até o último estágio, vinha me sentindo bem. Mas, enfim, só queria passar aqui para também deixar uma mensagem para todas as pessoas que me encontram no dia a dia, que eu senti desde o começo, sendo flamenguistas ou não. Pessoas que torcem pelo futebol, eu sempre recebi um carinho muito grande de todos, sempre uma palavra de apoio, então fica meu agradecimento do fundo do meu coração.

Saibam que a história do Rodrigo não acabou aqui, pelo contrário. Eu acredito muito na minha fora, no propósito de Deus, e tenho certeza absoluta de que Deus tem grandes coisas para a minha vida, e fiz questão de deixar essa mensagem para todas as pessoas que torcem por mim, que acreditam que eu vou superar. Nos vemos na próxima temporada, e saibam que farei de tudo para entregar o máximo para a Nação, que é quem nos deixa sempre com a maior convicção de que vale a pena todo esforço e deidicação para gente alcançar nossos objetivos, e para todas as pessoas que acreditam e que estão ao meu lado. Saibam que farei de tudo para me recuperar, ficar saudável novamente e voltar a fazer o que eu amo.”