Início Notícias Flamengo irá fretar voo particular para final da Libertadores

Flamengo irá fretar voo particular para final da Libertadores

Dorival Jr deixando avião – Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

COLUNA DO FLA: A final da Copa Libertadores da América será somente no dia 29 de outubro, mas o Flamengo já começa a pensar no planejamento para a decisão em Guayaquil, no Equador. Isso porque, o Conselho Diretor do Mais Querido, liderado pelo presidente Rodolfo Landim, confirmou detalhes da logística de viagem que será adotada pelo clube para a finalíssima do torneio, contra o Athletico-PR.

De acordo com informações divulgadas pelo Jornal O Globo, o Flamengo pretende fretar um avião da companhia aérea Qatar Airways para levar a delegação rubro-negra. A comitiva será formada por jogadores e familiares, comissão técnica e membros da diretoria do clube. A previsão é de que o voo, que será a preço de custo, saia do Rio de Janeiro em 26 de outubro, três dias antes da final.

Além disso, apesar de terem o direito de levar familiares na viagem para Guayaquil, os jogadores rubro-negros contarão com um limite de pessoas chamadas. Os dirigentes do Flamengo, por sua vez, não poderão ter convidados. A delegação, inclusive, receberá passagens, ingressos e hospedagens no hotel escolhido pelo clube na cidade da final da Libertadores.

Ao todo, serão 300 lugares disponíveis no avião fretado pelo Flamengo. Por conta disso, existe a possibilidade do Mais Querido abrir espaço para uma ‘lista de caronas’, com pessoas indicadas por membros do clube. No entanto, os convidados que terão o direito de viajar com a delegação vão precisar pagar algo em torno de R$ 9 mil. A permissão, inclusive, não possui garantia de ingresso e hospedagem.

Para a viagem, o Flamengo ainda terá mais um ponto a ser definido na logística. Isso porque, na data prevista para a delegação deixar o Rio de Janeiro rumo ao Equador, o Mais Querido terá um compromisso pelo Campeonato Brasileiro, contra o Santos. A partida está marcada pela CBF para o dia 26 de outubro. A ideia do Mengo é mandar a campo um time alternativo.