Início Notícias Flamengo e Corinthians baterão recorde de duelos num ano

Flamengo e Corinthians baterão recorde de duelos num ano

Santos, Filipe Luís e David Luiz em Flamengo x Corinthians – Foto: Marcelo Cortes

COLUNA DO FLA: Nunca na história do futebol brasileiro Flamengo e Corinthians se enfrentaram tantas vezes em um ano. Em 2022, os times de maiores torcidas do país terão seis duelos até o fim da temporada. A repetição do confronto se dá por conta dos cruzamentos na Copa do Brasil, Libertadores da América e as partidas de turno e returno do Campeonato Brasileiro. A marca atual supera o ano de 1966, quando as equipes duelaram em cinco oportunidades.

Dos seis encontros previstos para 2022, três já aconteceram. No dia 10 de julho, pelo Campeonato Brasileiro, o Corinthians levou a melhor, por 1 a 0, gol contra de Rodinei, na Neo Química Arena. No mesmo estádio, desta vez pela ida das quartas de final da Copa Libertadores, o Mengão deu o troco. O placar de 2 a 0, com tentos de Arrascaeta e Gabigol, ocorreu em 2 de agosto.

O último duelo entre as equipes foi realizado no dia 9 de agosto. No Maracanã, pela volta das quartas de final da Libertadores, o Mengão carimbou a classificação com o gol único de Pedro. Agora, as equipes voltam a se enfrentar pelas finais da Copa do Brasil, em 12 e 19 de outubro, na Neo Química Arena e no Templo Sagrado, respectivamente. Além disso, tem a partida válida pelo returno do Campeonato Brasileiro, também no Rio de Janeiro, ainda sem data definida.

Em 1966, ano do ‘recorde’ anterior, o Corinthians teve um retrospecto melhor. Os times se enfrentaram pelo Quadrangular João Havelange, com empate em 0 a 0. Depois foram três vitórias do Alvinegro (3 a 1 no Rio-São Paulo e duplo 3 a 2 em amistosos) e um triunfo do Flamengo, por 2 a 0, também em partida amigável.

Enquanto os três próximos duelos Flamengo x Corinthians não chegam, o Mais Querido mira o foco para o Fortaleza, adversário do Rubro-Negro na 28a rodada do Campeonato Brasileiro. A partida acontece no dia 28 de setembro, uma quarta-feira, às 19h (horário de Brasília).