Início Notícias Deputado diz que Flamengo não precisa virar SAF

Deputado diz que Flamengo não precisa virar SAF

Escudos do Flamengo na torcida na Florida Cup de 2019 – Foto: Divulgação

COLUNA DO FLA: O Flamengo possui uma gestão que tem servido como exemplo para os demais clubes do futebol brasileiro. Por conta disso, o assunto foi um dos temas debatidos no PODFLA, podcast do Coluna do Fla, que recebeu o candidato a Deputado Federal pelo Rio de Janeiro, Pedro Paulo, nesta quinta-feira (01). Para o parlamentar, devido à administração que tem, o Mais Querido não precisa se estruturar como clube-empresa.

— O Flamengo tem uma vantagem competitiva que difere de qualquer clube no mundo, que é o tamanho da torcida. O Flamengo bem administrado, ele continua explodindo. O Flamengo não precisa porque ele consegue trazer receitas simplesmente com a força da sua torcida. O Flamengo não precisa de investimento estrangeiro, se ele utilizar bem o potencial consumidor que ele tem, ele não precisa de um fundo estrangeiro que queira tirar lucro da marca Flamengo… Ele bem administrado e explorando bem o seu torcedor consumidor, o Flamengo explode — disse Pedro Paulo, antes de completar:

— E o Flamengo deu esse passo na profissionalização. Não quer dizer que o clube como estrutura de empresa ele será melhor do que uma estrutura sem fins lucrativos profissional. Mas ele (Flamengo) tem um conjunto de incentivos que levam para um universo muito mais profissional privado do que uma estrutura sem fins lucrativos. O Flamengo não precisa do clube-empresa para ser a potência que ele é — concluiu o deputado.

Pedro Paulo ainda ressaltou que o Flamengo, sendo bem administrado, tem uma ‘vantagem competitiva’ em relação aos rivais, tanto do Brasil como do mundo: a Nação Rubro-Negra. Segundo parlamentar, o tamanho da torcida do Mais Querido facilita o processo que faz com que o clube seja o maior em faturamento no país. Para o deputado, mesmo sem ser uma empresa e sendo uma estrutura sem fins lucrativos, o Mengo continua ‘explodindo’ nas receitas.

O atual momento do Flamengo, inclusive, vai ao encontro da fala do candidato a deputado. Isso porque, o Mais Querido é o clube que teve a maior receita no Brasil e segue como hegemonia financeira no país. Não à toa, faz investimentos acima dos demais rivais e possui um elenco recheado de craques mundiais, como Filipe Luís, Arturo Vidal, David Luiz, Filipe Luís e Arrascaeta.