Início Notícias "Oferta de R$ 26 milhões"; Landim não alivia e veta saída de...

"Oferta de R$ 26 milhões"; Landim não alivia e veta saída de defensor do Flamengo

Após um contato vindo da Inglaterra, uma resposta negativa foi dada após uma ordem direta do presidente no Rubro-Negro

Nesta quinta-feira (1), uma notícia de mercado agitou bastante o cenário brasileiro: o Flamengo encaminhou a venda de Lázaro ao Almería, da Espanha, por 7 milhões de euros (R$ 36,34 mi na cotação atual). No acordo, ficou fixado que os espanhóis irão adquirir 70% dos direitos do jovem, mas ainda há detalhes finais a serem discutidos antes do anúncio, mesmo que a negociação esteja bem avançada.

 



 

Importante destacar que a oferta inicial dos europeus era de 5 milhões de euros, mais 2 mi de bônus, por 70% dos direitos. No entanto, sabendo do potencial do garoto, o Mais Querido não aliviou e fez jogo duro, batendo o pé e insistindo nos 7 milhões, que acabaram aceitos pelos gringos, atualmente comandados pelo técnico Joan Francesc Ferrer Sicilia.

 

 

No entanto, outra saída estaria sendo cogitada: na última terça-feira (30), o Rubro-Negro recebeu contatos de dois clubes da Premier League dispostos a contar com Matheuzinho, que vem sendo reserva de Rodinei com Dorival. As propostas foram similares, na casa dos 5 milhões de euros (R$ 26 milhões), mas foram recusadas prontamente por ordem do presidente Rodolfo Landim, conforme publicou o Globo Esporte.

 

 Foto: Thiago Ribeiro/AGIF - Matheuzinho está com moral na Europa.
Foto: Thiago Ribeiro/AGIF – Matheuzinho está com moral na Europa.

 

É importante destacar que os cariocas não citaram quais são exatamente os interessado, justamente por conta de clausulas de confidencialidade presentes nas ofertas, que devem ser retomadas no futuro. Ainda de acordo com a fonte acima citadas, as tratativas aconteceram rapidamente até mesmo para saber se o defensor, de apenas 21 anos, viajaria para o jogo com o Vélez ou permaneceria no Rio para tratar de questões burocráticas.

 



 

Sabendo do potencial do garoto, o Rubro-Negro não perdeu tempo e renovou o contrato com o lateral até o fim de 2026, com multa rescisória de 100 milhões de euros. Além disso, nos bastidores, existe um desejo de adquirir parte dos 50% dos direitos econômicos que ainda pertencem ao Londrina. O fato de só ter metade da porcentagem fez com que o posicionamento frente ao interesse inglês fosse tão irredutível. 

Fonte: Bolavip