Início Notícias Flamengo estuda aderir a ingressos de NFTs e QR Code

Flamengo estuda aderir a ingressos de NFTs e QR Code

Torcida do Flamengo no Maracanã com fumaça – Foto: Divulgação

BLOCK TRENDS: O time de futebol do Flamengo está estudando mudar a forma como os torcedores compram ingressos. De acordo com a intenção do clube, os bilhetes físicos devem ser substituídos por QR Codes e tokens não-fungíveis (NFTs).

A ideia do Flamengo é deixar de usar ingressos de papel para garantir a entrada de torcedores através de ferramentas digitais. A proposta ainda está sendo avaliada pelo time, considerado um dos maiores do Brasil.

Assim, além de NFTs e QR Codes, o Flamengo pode usar até o sistema NFC para ingressos de partidas de futebol. A ideia pretende acabar com a atuação de cambistas, além de colocar fim na reclamação de torcedores com dificuldades em adquirir o ingresso do clube.

QR Code e NFTs no Flamengo
Embora não tenha confirmado oficialmente a intenção de uso de ingressos em forma de NFTs, o Flamengo está aliado a inovações tecnológicas como fan tokens. O time de futebol tem o seu próprio criptoativo, o Flamengo Fan Token (MENGO).

O fim dos ingressos de papel deve solucionar problemas provocados pela venda dos bilhetes. No entanto, a Polícia Militar contesta a mudança, alegando que o bilhete físico representa mais segurança que ferramentas digitais como QR Codes e NFTs.

Mas, com o uso de tokens não-fungíveis, o Flamengo pode criar um ingresso completamente intransferível. Ou seja, somente o comprador pode usar o bilhete para ter acesso aos jogos do clube carioca.

Além disso, o uso de QR Code e NFTs pode reduzir o tempo de espera dos torcedores para entrar no estádio. Essas ferramentas digitais dispensam a conferência de documentos físicos na entrada dos torcedores, por exemplo.

O Flamengo está em uma ótima fase nos campeonatos que está disputando em 2022. O sucesso do time do Rio de Janeiro (RJ) está esgotando os ingressos, e todos os bilhetes dos próximos três jogos do time já foram vendidos.

Recentemente, o time de futebol rubro-negro atingiu 104 mil sócios, o que reflete na distribuição dos ingressos. Considerado um dos mais importantes clubes do Brasil, o sucesso do Flamengo influenciou até na valorização do MENGO, que acumulou 440% de valorização nas últimas semanas.