Início Notícias Conmebol estuda levar final da Libertadores 2022 para Argentina

Conmebol estuda levar final da Libertadores 2022 para Argentina

Torcida do Flamengo na final da Libertadores 2021, no estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai – Foto: Divulgação

COLUNA DO FLA: A final da Copa Libertadores da América está marcada para ser disputada no dia 29 de outubro, no Estádio Monumental Isidro Romero Carbo, do Barcelona, do Equador. Contudo, a Conmebol estuda realizar uma mudança no local da decisão do torneio internacional, visto que a cidade de Guayaquil entrou em estado de emergência por conta da violência.

Segundo o Ministro do Interior do Equador, Patricio Carrillo, o aumento da violência se dá por conta das gangues que entraram em estado de guerra contra o Governo. Portanto, a Conmebol estuda uma mudança no local da final da Libertadores da América e já tem dois lugares em pauta: Córdoba, na Argentina, ou em alguma cidade colombiana.

Vale destacar que não é a primeira vez que a Conmebol avalia trocar o local da final da Libertadores de 2022. Isso porque, o Barcelona de Guayaquil, dono do Estádio Monumental Isidro Romero Carbo, não cumpriu algumas exigências solicitadas. Contudo, o Governo entrou em ação e iniciou as tratativas para manter a decisão sul-americana no Equador. Agora, por conta do aumento da violência no país, a possibilidade de uma mudança é cogitada mais uma vez pela entidade.

O Flamengo, por sua vez, fica de olho na possível mudança do local da final da Libertadores, visto que irá disputar a semifinal da competição internacional. O confronto será contra o Vélez Sarsfield (ARG), sendo o jogo de ida na Argentina, no dia 31 de agosto. Já o duelo de volta será realizado no Maracanã, no dia 07 de setembro, diante da Nação Rubro-Negra.