Início Notícias Flamengo fecha parceria com Escolinha rescindida pelo Flu

Flamengo fecha parceria com Escolinha rescindida pelo Flu

Foto: Divulgação

COLUNA DO VENÊ: O Flamengo aproveitou o “hippie” e fechou contrato com a escolinha que tinha vínculo com o Fluminense e teve a parceria quebrada após um vídeo dos alunos, com camisa do Tricolor, vazar na internet cantando música do Rubro-Negro. O acordo foi fechado na tarde desta quarta-feira, após uma reunião com representantes do Fla com um dos sócios do projeto.

Se antes era chamado “Projeto Guerreirinhos”, agora será “Escola Flamengo”, assim como as outras franqueadas do Rubro-Negro.

O caso viralizou na última sexta-feira, quando o próprio Fluminense, após a repercussão nas redes sociais, emitiu uma nota oficial para confirmar que havia rescindido contrato com a filial. Inclusive, no texto, o clube afirmou que acionou o Departamento Jurídico e que vai rescindir o contrato com o licenciado.

No vídeo, as crianças cantam a música “Em dezembro de 81”, que embalou o rubro-negro em 2019, ano da conquista do Campeonato Brasileiro e também da Libertadores. Assista no vídeo abaixo:

Contexto do vídeo: A escolinha fica no local onde estava acontecendo uma festa particular de aniversário, um churrasco, de um maquinista de cinema. Ele puxou as brincadeiras com as crianças que cantaram, e ele filmou e enviou para amigos. Resultado? O vídeo viralizou.

O Flamengo tomou conhecimento do acontecido através das redes sociais e, após o Fluminense oficializar a a decisão através de nota oficial, o Rubro-Negro traçou o planejamento. As reuniões iniciaram no sábado até que o contrato fosse firmado nesta tarde.

– Foi um trabalho de equipe muito bacana, né? Entre o marketing do Flamengo e nós, que trabalhamos com as franquias das escolas Flamengo. O marketing e a comunicação do Flamengo, sobretudo o Bernardo Monteiro, que me atentou muito para importância. Eu imediatamente comecei a trabalhar nisso. Eu estava esperando um pouco de mais informação e contato com os donos da Arena. Eu percebi neles a vontade de ter uma relação com o Flamengo e, então, a gente já colocou todo nosso departamento jurídico com o departamento deles para acertar as questões burocráticas -, disse Zezinho Martins, responsável pelas escolas de futebol do Flamengo.

A escola fica localizada em Belford Roxo, no Rio de Janeiro. Atualmente, cerca de 150 crianças fazem parte do projeto. Após a adesão da franquia, o Flamengo estima que a inauguração aconteça na próxima semana, quando as estruturas rubro-negras – padronizadas das escolinhas – estejam prontas.

– A gente está muito feliz assim de poder abraçar essas crianças e poder ter mais uma franquia do Flamengo. A gente está superando mais de 265 no Brasil inteiro. São essas escolas responsáveis pelo descobrimento de vários atletas, entre eles o Vinícius Júnior e o Lázaro -, finalizou Zezinho.

Leia a íntegra da nota:
“O Fluminense tomou conhecimento, na manhã de hoje, da imagem de uma das suas escolinhas franqueadas pelo Projeto Guerreirinhos, com crianças cantando músicas de um clube rival. O clube acionou seu Departamento Jurídico e já notificou o licenciado sobre a rescisão do contrato. O Fluminense destaca que mantém regras rígidas quanto à interdição desse tipo de manifestação e também à preservação de sua marca. Ressalta ainda que as crianças atendidas pelo projeto não pertencem à base do clube, em Xerém.”