Início Notícias Vélez chega para duelo contra o Flamengo em crise

Vélez chega para duelo contra o Flamengo em crise

Luca Orellano em Vélez Sarsfield x Flamengo – Foto: Divulgação

COLUNA DO FLA: O Vélez Sarsfield (ARG) não vive um bom momento na temporada. A equipe do técnico Alexsander ‘Cacique’ Medina, ex-Internacional, vem de três empates e uma derrota no Campeonato Argentino desde a classificação para as semifinais da Libertadores da América. Agora, a equipe de Buenos Aires mira à última esperança de salvar a temporada contra o Flamengo, nesta quarta-feira (31), pela ida do mata-mata continental.

A última vitória do Vélez ocorreu no dia 10 de agosto, na volta das quartas de final da Libertadores, quando venceu o Talleres (ARG), por 1 a 0. De lá para cá, empates com o Gimnasia (ARG), Sarmiento Junin (ARG) e Independiente (ARG), além de derrota para o Aldosivi (ARG). Excluindo os duelo do continental, o time de ‘Cacique’ Medina não vence um jogo desde o dia 20 de junho, quando bateu o Rosário Central, por 2 a 0.

Desde então, foram 12 partidas sem êxitos no torneio local, que deixou a equipe na vice-lanterna da campeonato. No entanto, a realidade é outra na Copa Libertadores da América. Na disputa mais importante da América do Sul, o Vélez venceu o Talleres duas vezes nas quartas de final, conquistou uma vitória e um empate contra o River Plate (ARG), nas oitavas, e não sofre uma derrota na competição desde o dia 26 de abril, quando perdeu para o Nacional (URU), na terceira rodada da fase de grupos.

Em sete jogos no mês de agosto, o Vélez venceu apenas os dois duelos contra o Talleres, na Libertadores. Diferentemente do Flamengo, que disputou oito partidas e saiu com o resultado positivo em sete. Agora, nesta quarta-feira (31), as duas equipes deixam o retrospecto de lado e começam a disputa por uma vaga na final da competição mais importante do continente. A volta acontece no dia 7 de setembro, no Maracanã.

A partida desta quarta-feira (31) acontece às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio José Amalfitani, em Buenos Aires. O jogo terá exibição para todo Brasil, nos canais ESPN, na TV fechada, e Star+, pelo streaming. No entanto, a transmissão mais rubro-negra da internet é no Coluna do Fla, no Youtube. A equipe é composta por Rafa Penido, na narração, Tulio Rodrigues, nos comentários, e Bruno Villafranca, nas reportagens.