Início Notícias “Não podemos mais errar”; Dorival se posiciona sobre ausência de Marinho na...

“Não podemos mais errar”; Dorival se posiciona sobre ausência de Marinho na escalação do Flamengo no clássico


Rubro-Negro emenda a sétima vitória em oito jogos e assume a vice-liderança; resultado prolonga momento ruim do rival, que passa de um mês sem vencer

A arrancada Rubro-Negra no Brasileirão segue a todo vapor. Com gol de Arturo Vidal, o Flamengo bateu o Botafogo por 1 a 0, na noite deste domingo (28), no Estádio Nilton Santos, pela 24ª rodada da Série A nacional. Com o resultado positivo, o time de Dorival Jr. chega a sete vitórias e um empate nos últimos oito jogos, e assume a vice-liderança do campeonato.



Agora, o Fla é o segundo colocado na disputa, com 43 pontos, sete a menos que o líder Palmeiras. Se a sequência flamenguista é empolgante, no lado rival é bem diferente. Derrotado pelo Rubro-Negro, o Botafogo não vence há mais de um mês. São cinco partidas de jejum: três empates e dois revezes. 

Com o duelo contra o Vélez Sarsfield no meio de semana pela semifinal da Libertadores, Dorival repetiu o que vem fazendo nas últimas rodadas do Brasileiro e escalou a equipe alternativa. Com uma diferença. Apenas o goleiro Santos vinha sendo mantido no time para os jogos da Série A, com relação à escalação tem ido a campo nos confrontos de mata-mata. Desta vez, Gabigol também começou jogando.



O ataque, que vinha sendo formado no Brasileirão por Everton Cebolinha, Lázaro e Marinho, ganhou uma nova composição. O trio desta vez foi formado por Lázaro, Cebolinha e Gabigol. Marinho ficou no banco de reservas e sequer foi acionado. Ao final do embate, o treinador Rubro-Negro explicou a ausência do atacante:



“O Marinho apresentou quadro febril, não trabalhou ontem. Seria um risco grande e desnecessário, principalmente para um jogo como esse, em um momento em que cada jogo é uma decisão. Não podemos mais errar. O Flamengo já errou tudo que poderia. Por isso não foi o Marinho. E o Gabriel é um jogador que sustenta boa sequência de jogos”, explicou o comandante flamenguista.

 

Fonte: Bolavip