Início Notícias Final da Libertadores 2022 é transferida para o Equador

Final da Libertadores 2022 é transferida para o Equador

Flamengo treinando no estádio do Barcelona do Equador – Foto: Alexandre Vidal

COLUNA DO FLA: A Conmebol fechou contrato com o Governo do Equador para que o estádio Monumental, em Guayaquil, seja a sede da final única da Copa Libertadores 2022. O confronto está marcado para o dia 29 de outubro e será realizado entre os classificados de: Flamengo x Vélez (ARG) e Palmeiras x Athletico-PR. O Ministro do Esporte do Equador, Sebastián Palacios, e o presidente Guillermo Lasso estiveram presentes, acompanhados de Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol.

— O acordo sela o compromisso do Governo, de cada uma das instituições, para dar nosso esforço, nosso tempo e recursos para celebrarmos juntos esse evento esportivo sem precedentes. A final única da Libertadores será em Guayaquil — disse o Sebastián Palacios, Ministro do Esporte do Equador.

Enquanto a Conmebol define os detalhes da final, as semifinais seguem gerando ansiedade nos torcedores. Do lado rubro-negro, o duelo será Flamengo x Vélez Sarsfield, na casa do clube argentino, o Estádio José Amalfitani. O primeiro duelo entre os dois times acontecerá na quarta-feira (31), às 21h30 (horário de Brasília). O setor sul da arena não contará com público, já que segue fechado por determinação da entidade, que puniu a equipe adversária do Fla.

A Nação terá acesso a 4 mil ingressos neste jogo de ida, número disponibilizado pelo mandante. O duelo de volta do Flamengo com o Vélez será no Maracanã, no dia 7 de setembro, e contará com a força máxima dos rubro-negros. Todos os 65 mil bilhetes disponíveis já foram vendidos.

Por sua vez, na outra chave das semifinais, está Palmeiras x Athletico-PR. O primeiro embate acontecerá na Arena da Baixada, na terça-feira (30), também às 21h30 (horário de Brasília). O jogo de volta está marcado para o dia 6 de setembro, no Allianz Parque.