Início Notícias “Igual ao Palmeiras”; Mauro Cézar se surpreende com plano do Fla em...

“Igual ao Palmeiras”; Mauro Cézar se surpreende com plano do Fla em assinar contrato com defensor e não perdoa em comparação


Jornalista detalhou equívoco e apontou caminho alternativo que resultaria em uma escolha mais segura

A situação de Rodinei na Gávea já é caldo para um bom roteiro dramático. Inicialmente com projeções para negociar o jogador, o Rubro-Negro deu uma reviravolta em seus planos e de acordo com a ESPN, o Clube vai investir na renovação com o lateral, que tem contrato até o final da atual temporada.



O desempenho de Rodinei dentro de campo fez com que a direção do Mengão mudasse de ideia e uma oferta deve ser feita ao jogador. Entretanto, a nova postura levantou críticas e uma delas veio do jornalista Mauro Cézar Pereira, que aponta a renovação como um passo em falso  do Fla:

 

“Eu não tenho essa informação (da renovação). Se for verdade, eu acho um erro. Espera acabar o ano e resolve. Ah, mas e se o Atlético-MG quiser levar? Vai para o Atlético-MG e seja feliz. Vale para o Vitinho também, que custou uma fortuna“, disse Mauro Cezar durante participação no programa “Bate-Pronto”, da rádio Jovem Pan, nesta quarta-feira (24). Para detalhar o suposto erro Rubro-Negro, Mauro lançou mão de comparação com um rival do Mais Querido: “Igual ao Palmeiras fez com o Deyverson, que foi para o Cuiabá, o Felipe Melo foi para o Fluminense, o Willian Bigode também… acabou o ciclo.”



Na avaliação do jornalista, o erro é fruto de uma precipitação, já que a direção da Gávea poderia aguardar para decidir o futuro de Rodinei: “Final do ano você olha a situação do Rodinei. Jogou bem? Quanto custa? Quantos anos de contrato ele quer? Se for um contrato razoável, com valor razoável dentro do que o clube avalia, está bom. Renova por mais um ano, se achar que deve. Se não, ele que seja feliz, que siga o caminho dele. Que jogue pelo Atlético-MG“, detalhou Mauro.

Para finalizar, Mauro ponderou que de fato houve avanço no futebol de Rodinei e isso é o principal elemento que faça com que a decisão deva ser no final da temporada: “Eu acho que ele está menos apavorado. Ele está menos afoito, é um jogador forte, não se machuca, mas não é cara muito inteligente dentro de campo. Tem que esperar o final do ano (para definir se renova ou não)“.

Fonte: Bolavip