Início Notícias Flamengo foi pouco exibido pela Globo no 1º turno

Flamengo foi pouco exibido pela Globo no 1º turno

Time do Flamengo entrando em campo contra o Avaí, na Ressacada – Foto: Gilvan de Souza

UOL: Allan Simon

O Fluminense encerrou o primeiro turno do Brasileirão 2022 como o time que mais teve jogos transmitidos em TV aberta pela Globo. Já contando a vitória sobre o Red Bull Bragantino por 2 a 1 na 19ª rodada, o Tricolor foi exibido oito vezes no canal e foi líder isolado do ranking de transmissões. Os paulistas Corinthians e São Paulo aparecem logo atrás, com sete jogos transmitidos cada.

A lista leva em conta todos os jogos transmitidos pela Globo em TV aberta nas 19 primeiras rodadas do Brasileirão 2022, independentemente da divisão de praças (quando uma partida passa em SP e outra no RJ, por exemplo). O Flamengo, por exemplo, teve apenas cinco jogos transmitidos pela Globo no mesmo período, mesmo sendo um time que tradicionalmente dá mais audiência.

Dois fatores ajudam a explicar isso. O primeiro está dentro das próprias escolhas do Grupo Globo, que vê no Flamengo uma chance de vender assinaturas do Premiere, que transmite o campeonato em pay-per-view. O Rubro-Negro teve 13 jogos completamente exclusivos do PPV, contra apenas seis do Tricolor carioca.

O segundo fator está na perda de poder da emissora sobre o calendário do futebol em geral. Até 2020, o canal escolhia e agendava os jogos de praticamente todas as principais competições disputadas pelos times brasileiros.

Mas como agora o SBT detém os direitos de transmissão da Libertadores e transmite suas partidas às terças-feiras, os times escolhidos pela emissora de Silvio Santos ficam inviabilizados de jogar aos domingos pelo Brasileirão, dia tradicional de futebol da Globo, que acaba tendo que escalar essas equipes no Sportv ou no Premiere.

Um jogo que a emissora carioca sempre mostrou nos últimos anos e não conseguiu agora, por exemplo, foi Flamengo x Palmeiras, duelo que no primeiro turno de 2022 acabou tendo que ser transferido de data por causa das tabelas de ambos os times na competição continental, ficando exclusivo do Premiere em uma quarta-feira que fazia parte do calendário da Copa do Brasil.

O ranking de transmissões é um fator importante porque existe um bolo correspondente a 30% do valor total que a Globo paga pelos direitos de TV aberta do Brasileirão que é repartido com base no número de jogos exibidos pela emissora. Em valores de 2019, quando o contrato atual começou a vigorar, eram R$ 180 milhões só para dividir pela quantidade de duelos transmitidos.

Em média, cada transmissão rendeu nos últimos anos cerca de R$ 1 milhão a cada clube envolvido. Esse valor pode variar de acordo com a quantidade total de exibições do canal na temporada, mas deve ficar sempre entre R$ 1 mi e R$ 1,5 milhão.

Os times que menos apareceram na Globo em TV aberta na primeira metade do campeonato foram o Juventude, o Avaí e o Cuiabá, cada um com apenas uma transmissão até agora.

Ao todo, a emissora transmitiu 35 jogos do Brasileirão nas 19 rodadas. Por contrato, o canal pode exibir até três duelos por rodada, mas tem constantemente utilizado confrontos da Série B para compor a divisão de praças nos horários da primeira divisão. Essa é uma tendência que vem acontecendo desde 2019. Os jogos da segunda divisão não entram na conta e nem são remunerados como os da elite.

No ano passado, a Globo transmitiu 36 jogos no primeiro turno da Série A. Na edição de 2020, tinham sido 43 transmissões. Já em 2019, foram 45 exibições (incluindo um jogo que foi exclusivo do site GE, mas que contou na cota de TV aberta). A queda de exibições entre 2019 e 2022 foi de 22,2%. Como os valores que a emissora paga pelo campeonato são fixos, transmitir menos não significa pagar menos. O real efeito disso é aumentar a quantidade de jogos exclusivos no PPV.

Confira o ranking completo de transmissões da Globo no primeiro turno do Brasileirão 2022:
1 – Fluminense: 8 jogos
2 – Corinthians e São Paulo: 7 jogos
4 – Palmeiras e Flamengo: 5 jogos
6 – Atlético-MG, Botafogo e Coritiba: 4 jogos
9 – Santos, Athletico, Internacional, Goias e Fortaleza: 3 jogos
14 – América-MG, Red Bull Bragantino, Atlético-GO e Ceará: 2 jogos
18 – Juventude, Avaí e Cuiabá: 1 jogo