Início Notícias André Rocha destaca arrancada do Fla no Brasileiro, mas questiona briga nas...

André Rocha destaca arrancada do Fla no Brasileiro, mas questiona briga nas três frentes: ‘Vale a pena?’

O Flamengo encara dura sequência de jogos pelas três frentes da temporada. Nesse sentindo, a poucos dias do confronto contra o Athletico-PR, pelas quartas de final da Copa do Brasil, o Mais Querido enfrentou o Avaí, pelo Brasileiro, sem poupar muitos os jogadores. Desse modo, o jornalista André Rocha analisa o desempenho e desgaste da equipe na partida do último final de semana.

 

“Ficou a impressão de que o Flamengo reunia titulares demais para uma partida às 11h e a três dias do jogo de ida das quartas da Copa do Brasil, no Maracanã diante do Athletico. O Avaí reforçou essa impressão, dificultando a saída de bola rubro-negra e obrigando os titulares da frente a se desgastarem ainda mais voltando para tentar articular as jogadas”, declarou o comentarista.

 

“Surpreendentemente, o Avaí perdeu totalmente o controle do jogo depois de abrir vantagem e, o pior, foi cansando pelo desgaste da marcação firme e até dura em alguns momentos. Os espaços se abriram em um jogo maluco, de “briga de rua” e com enormes buracos entre as intermediárias. A qualidade sobressaiu nos gols de Pedro e também em chances inacreditavelmente desperdiçadas à frente do goleiro Vladimir por Gabigol e Arrascaeta”, concluiu.

 

Vale a pena? 

Por fim, André Rocha deixa o questionamento no ar: “Vale a pena correr o risco de brigar pelo título das três competições da temporada?”. Em analise, o jornalista relembra o ano frustrado do Rubro-Negro, em 2021, quando amargou vices-campeonatos.

“Agora a grande questão é: vale a pena encarar a “ladeira” das três frentes. No ano passado resultou em mãos abanando e um elenco quebrado na final da Libertadores. A temporada de título estadual e da Supercopa, vice brasileiro e da Libertadores e semifinalista da Copa do Brasil virou chacota”, relembrou.

Retirado de Diário do Fla