Início Notícias Mauro Cezar critica ‘briga’ do Flamengo por mando no jogo de volta...

Mauro Cezar critica ‘briga’ do Flamengo por mando no jogo de volta na Copa do Brasil: ‘Que papelaõ’

Mauro Cezar questionou a ação movida pelo Flamengo no STJD, por conta da ordem do mando de campo nas quartas de finais da Copa do Brasil. Nas redes sociais, o comentarista se posicionou sobre o assunto, afirmando não enxergar injustiça no sorteio realizado pela CBF. 

+ Oscar no Flamengo? Veja 20 jogadores que atuam na China e caberiam no Brasil

– Que papelão. O sorteio foi confuso, sim. Faltou uma explicação na hora, mas o critério realmente é o mesmo das fases anteriores. Nada a reclamar – escreveu o comentarista no Twitter. 

O Rubro-Negro reivindica o mando de campo do segundo confronto contra o Athletico-PR pela copa nacional. Em ordem cronológica, o nome do Furacão -PR surgiu antes do time comandado por Dorival Júnior. Com isso, o Flamengo alega que deveria ter direito ao mando de campo no segundo confronto, como previamente havia sido decidido por sorteio.

+ Flamengo recebe explicação sobre contestação do sorteio e pede mais transparência da CBF

COMO ACONTECEU A CONFUSÃO

Após pequeno intervalo, teve início o sorteio dos mandos com uma regra simples: se tirar uma bola ímpar, a posição continua como está no chaveamento. Se for uma bola par, inverte-se a ordem. Esse procedimento é antigo e ocorre para times da mesma cidade jogaram em casa em semanas diferentes.

No entanto, a CBF inverteu as posições de Flamengo e Athletico antes do sorteio do mando. O Flamengo, sorteado por último, apareceu primeiro no confronto. Isso ocorreu para deixar o clube rubro-negro em posição diferente do Fluminense. Assim, os confrontos ficaram: Fortaleza x Fluminense e Flamengo x Athletico. Como saiu uma bola ímpar (9), manteve-se a ordem acima.

Publicado em Lancenet