Início Notícias Landim 'parte para cima' da CBF e ação tomada nesta 4ª pode...

Landim 'parte para cima' da CBF e ação tomada nesta 4ª pode favorecer Flamengo no ano: "O critério foi feito para…"

Presidente do Mengão não engoliu decisão da entidade em relação ao sorteio dos mandos das quartas da Copa do Brasil

O Flamengo não aceitou jogar fora do Maracanã sua partida de volta contra o Athletico-PR pelas quartas de final da Copa do Brasil e decidiu entrar no STJD para tentar reverter a decisão.  Durante o sorteio, que aconteceu na última terça-feira (19) na sede da CBF, o Mais Querido viu seu mando ser invertido com o clube paranaense. 

Tudo começou quando o Flamengo foi sorteado para decidir sua eliminatória contra o Furacão em casa. Só que o clube rubro-negro viu a entidade alterar a posição, o que causou polêmicas nos bastidores. A mudança aconteceu para evitar que Fla e o rival Fluminense, escolhido minutos antes para decidir seu confronto diante do Fortaleza no Maracanã, ficassem na mesma posição no sorteio dos mandos.

A propósito, o Flamengo havia sido beneficiado pelo mesmo critério nas oitavas de final, decidindo sua partida contra o Atlético-MG no Rio de Janeiro. O Fluminense, por sua vez, jogou a segunda partida contra o Cruzeiro no Mineirão. 

 Foto: Staff Images/CBF – Sorteio da Copa do Brasil rendeu reclamações por parte do Flamengo

Cacau Cotta, diretor de relações externas do Fla, encaminhou o assunto ao presidente Rodolfo Landim, que imediatamente acionou o departamento jurídico do clube. O Mengão decidiu entrar no STJD com o intuito de realizar o segundo jogo no Maracanã. O pedido foi encaminhado para o presidente do órgão, Sergio Noronha, e está em analise.

O GE relatou que Landim, apos o sorteio, chegou irritado ao aeroporto do Galeão, onde a delegação do Flamengo embarcou para Brasília. O presidente esbravejava: “O critério foi feito para prejudicar meu time! Por que não inverte o Fluminense então?”

Publicado em Bolavip