Início Notícias Dorival Jr destaca volta da confiança ao elenco do Flamengo

Dorival Jr destaca volta da confiança ao elenco do Flamengo

Jogadores do Flamengo no vestiário – Foto: Gilvan de Souza

UOL: Contratado há pouco mais de um mês, o técnico Dorival Junior acredita que o time do Flamengo evoluiu muito neste curto período. A equipe, que já havia avançado às quartas de final da Libertadores com o treinador, chegou também nesta mesma fase da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira (13), após vencer o Atlético-MG por 2 a 0, no Maracanã.

“O resgaste da confiança deste grupo foi importantíssimo. Se não acreditar, não tem como sedimentar um caminho, vamos mudar as peças sem encontrar solução. Está acontecendo o contrário. O que está começando a acontecer é o equilíbrio, estamos começando a alcançar. Quando todos trabalharam para uma retomada, se facilita as coisas”, comentou. “Uma equipe que quer ter a bola para desenvolver o seu melhor. Eles estão entendendo que uma função tática está sendo desenhada. A evolução é clara. Ainda não é o ideal, mas estamos avançando, com os jogadores acreditando no que é passado. Se não houver uma integração e uma dedicação, principalmente por parte deles, tudo fica pela estrada. É pouco tempo pelas respostas que estamos encontrando. Todos eles estão conseguindo cumprir funções e papéis importantes”, completou.

Dorival também destacou a boa postura do time em campo.

“Taticamente, jogamos um futebol de bom nível enfrentando uma das equipes do Brasil no momento. Tanto em BH como aqui, fizemos partidas boas. Estamos em evolução e espero manter isso. Pés no chão, com os jogadores acreditando no que foi passado. Mas, estou muito satisfeito. O plano foi respeitado até o último momento e nos levou a uma vitória importantíssima”, apontou.

Falar sobre a torcida do Flamengo… Quem não gostaria de tê-los ao seu lado. Para quem já atuou contra diversas vezes, estar ao lado pela terceira vez é uma grande diferença. Fizeram uma festa maravilhosa e ajudaram a equipe a ganhar em campo, sendo atuantes todo momento. Um prazer retribuir ao carinho recebido. Essa simbiose que faz o futebol ser o que é, retornar aos anseios do torcedor, entregando tudo em campo. O resultado, às vezes foge, mas não podemos abrir mão da dedicação e vimos isso. Por isso, fico muito feliz”, ponderou.

Confira outros trechos da coletiva

Atuação dos volantes
É uma mudança de postura de toda equipe. O meio-campo é auxiliado por quem está à frente. Falavam que Gabriel e Pedro não podiam atuar junto, sempre discordei. Se eles participarem correndo para trás também, poderiam suprir essa falta ou essa necessidade na retomada de bola. Isso vai filtrando e peneirando para se reestabelecer. Estamos vendo isso aos poucos. Todos brigando pela retomada de bola. Acredito que juntos, eles tomaram mais bolas do que o time todo nas duas partidas iniciais, contra Inter e Atlético no Mineirão. É uma conscientização. Todos aqueles que entram pensando desta forma, buscando um espaço. Isso que tem acontecido: eles acreditam no que é passado. O trabalho dos preparadores, de recuperação dos atletas, é perfeito. Fizemos um bom jogo contra o Corinthians, não vencemos, mas a participação da garotada foi muito positiva. Ainda precisa de muita coisa, mas é uma crescente. Atlético não teve uma oportunidade de gol, isso não é para qualquer equipe. Pode ter certeza, com todos querendo retomar a bola, é meio caminho para um novo rumo da equipe.

Chegada de Vidal e importância da virada
Falar de um jogador como o Vidal é até desnecessário. Que se prepare e seja muito feliz aqui dentro. Tenho certeza que irá acrescentar muito. Temos que ter calma, a equipe está em um processo de transformação. São quatro semanas e alguns dias. Tivemos três baixas: Bruno Henrique, Arão e Andreas. Jogadores importantes, que vinham sendo titulares. Perdas consideráveis, mas fico feliz que estamos passando por esse período de turbulência já com novos contratados. Que consigam desenvolver o melhor.

Sequência na temporada
Foi uma vitória importante, sem dúvidas, contra uma das melhores equipes do Brasil. Agora, foi apenas uma vitória, que não vai refletir sobre o jogo seguinte, assim como uma derrota não refletiria. Precisamos encontrar uma regularidade. Esse é o grande desafio daqui para frente. Aos poucos, a equipe está recuperando a confiança. Queremos a estabilização.

É uma virada de chave?
Há 40 dias, todos estavam sendo contestados, ninguém servia. O futebol é um palmo de distância entre céu e inferno. Já vivenciamos um lado e sabíamos que era um fator momentâneo pelas qualidades que a equipe possui. Ainda não tem nada consolidado. Nossa atitude precisa ser a mesma. Nós, que sempre acompanhamos de fora, sabemos o quão importante é ter o torcedor plugado na sua equipe. Queremos isso. Passar essa confiança para ele continuar acreditando.

Comparação com último jogo e dupla Pedro e Gabigol
Nós tivemos uma boa participação contra o gol, mas sem o gol. Corinthians teve quase 100% de aproveitamento nas oportunidades que teve. Nossa determinação foi igual a de contra o Atlético, claro que com outro tipo de campeonato. Precisamos nos expor para buscar a virada. Eles estão se encontrando. Gabriel não deixou de ser letal em nenhum momento. Jogando aberto, por dentro, sempre será esse grande jogador, Tudo é questão de tempo. Que as situações construídas passem pelos seus pés. Ele demonstrou sua capacidade. Está desenvolvendo uma função diferente. É questão de tempo para que se adapte com o Pedro. Acredito que podem jogar juntos.