Início Notícias Flamengo recorre contra liberação de jogo do Vasco no Maraca

Flamengo recorre contra liberação de jogo do Vasco no Maraca


Mosaico “Vou te apoiar até o final” do Flamengo no Maracanã – Foto: Guilherme Carrapito

O GLOBO: Por Athos Moura

O Flamengo recorreu nesta terça-feira da decisão judicial que permite ao Vasco realizar a partida contra o Sport, no domingo, no Maracanã. O juiz Alessandro Félix, da 51a Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, atendeu, nesta segunda-feira, a um pedido do cruzmaltino, que solicitara a realização do confronto no estádio, mas tivera o pleito negado pelo Consórcio Maracanã, administrado pelo rubro-negro e pelo Fluminense.

No recurso, o Flamengo contesta parte da decisão de Félix que afirma que aconteceram 28 partidas com um intervalo de 24 horas ou menos. Uma das justificativas do Consórcio Maracanã para negar a partida é que o excesso de jogos sem o tempo necessário de descanso do campo prejudicaria o gramado.

O rubro-negro diz no documento que o excesso de partidas foi, justamente, o que motivou a reforma do gramado, que custou R$ 4 milhões. E que 24 dos confrontos listados na decisão aconteceram antes das obras. Além disso, o clube afirma que o estádio precisou ficar fechado, o que forçou os permissionários a mandarem suas partidas em outros locais.