Início Notícias “Tem interesse em representar”: ex-Flamengo diz “não” a Jorge Jesus e sinaliza...

“Tem interesse em representar”: ex-Flamengo diz “não” a Jorge Jesus e sinaliza acerto com campeão europeu

De acordo com o jornalista Bruno Andrade, do UOL Esporte, o destino do meia-atacante Reinier, cria das categorias do Flamengo, não deve ser o Fenerbahçe. O jogador que pertence ao Real Madrid será novamente emprestado e rejeitou uma possível ida ao time de Jorge Jesus, que treinou o atleta no Rubro-Negro em 2019. Seu destino deve ser justamente o ex-Clube do treinador: o Benfica.

Segundo o jornalista, Benfica e Reinier iniciaram conversas na última semana, enquanto o jogador estava em São Paulo. Na oportunidade, o diretor esportivo dos Encarnados, Rui Pedro Vaz, conseguiu finalizar a contratação do atacante David Neres e aproveitou para sondar a situação do ex-jogador do Flamengo. Assim como o Fenerbahçe, o Benfica também disputará as fases preliminares da Champions League.



“Depois de dizer “não” para o Fenerbahçe, Reinier aceitou abrir conversas com o Benfica. Tem interesse em representar os encarnados, que, agora, vão tratar da negociação (por empréstimo) com o Real Madrid. Recordar que os Merengues não vão aproveitar o jogador em 2022/23”, publicou o jornalista Bruno Andrade em seu perfil no Twitter. Reinier ainda tem mais quatro anos de contrato com o Real Madrid, que o comprou do Flamengo por 30 milhões de euros.

Foto: Thiago Ribeiro/AGIF – Reinier foi vendido ao Real Madrid por 30 milhões de euros em 2019

Com pouco espaço no Real Madrid, onde sequer foi aproveitado no time principal, em 2020 ele foi emprestado ao Borussia Dortmund, onde atuou por duas temporadas. Ao todo, foram 39 partidas com a camisa do time alemão e apenas um gol marcado e uma assistência. Reinier foi poucas vezes titular da equipe e não demonstrou nem perto daquilo que se esperava dele no Flamengo.



O atleta é cria do Rubro-Negro e estreou como profissional justamente em 2019, ano dourado do Clube, que conquistou a Série A e a Libertadores no mesmo ano. Ele era uma espécie de 12º jogador daquele time e peça importante no elenco. Foram 15 partidas pela equipe e seis gols marcados, além de duas assistências. Entre os gols mais importantes, estão o da vitória sobre o Fortaleza e contra o Atlético-MG.

Fonte: Bolavip