Início Notícias Flamengo e Paulo Sousa divergem sobre pagamentos e treinador cogita ir à...

Flamengo e Paulo Sousa divergem sobre pagamentos e treinador cogita ir à FIFA

(Foto: Gilvan de Souza)

Após seis meses de trabalho no comando do Flamengo, Paulo Sousa acabou não atendendo as expectativas criadas pela diretoria e acabou sendo demitido. O desempenho ruim da equipe e a falta de evolução foram os principais motivos.

Para o seu lugar Dorival Júnior chegou e em dois jogos, demonstrou algumas melhoras, principalmente na postura demonstrada pelos jogadores dentro de campo. Os torcedores voltaram a ter esperança em resultados melhores na temporada.

No contrato entre treinador e clube, havia uma clausula que em caso de demissão ainda na temporada 2022, o Flamengo deveria pagar uma multa com o seu valor virando conforme a altura da temporada, e isso acabou virando uma divergência entre as partes.

De acordo com o jornal ‘O Globo’, o Flamengo voltou atrás no acordo com Paulo Sousa para o pagamento da multa rescisória após demitir o treinador e toda a sua comissão. Na última sexta-feira, o departamento jurídico enviou a documentação com valores diferentes do acordado entre as partes.

Isso teria irritado o português que ainda está no Rio de Janeiro justamente para resolver esse impasse antes de voltar. Paulo Sousa viajará para Portugal na próxima terça-feira, onde vai aguardar o desenrolar da situação. Uma cobrança na FIFA é estudada pelo treinador e seus representantes.

Ainda segundo ‘O Globo’, contabilizando os salários até dezembro, o Flamengo deve pagar R$ 6 milhões, sem contar o pagamento para os membros da comissão técnica do treinador português.

Fonte: Diário do Fla

Quer ficar sempre informado sobre as últimas notícias do Flamengo? Instale o app do Flamengo para Android, e receba notícias do Flamengo em tempo real.