Início Notícias Mesmo com um jogador a mais durante o segundo tempo, Flamengo não...

Mesmo com um jogador a mais durante o segundo tempo, Flamengo não consegue superar o RB Bragantino

Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Em meio a pressão após a derrota contra o Fortaleza no último final de semana, no maracanã, o Flamengo teve mais uma atuação abaixo das expectativas e perdeu por 1 a 0 para o RB Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid. Nesse sentindo, o Rubro-Negro saiu na desvantagem no primeiro, chegou a ter um jogador a mais durante a etapa complementar e mas mesmo assim mostrou dificuldades de atacar o adversário.

 

O jogo 

Assim como a partida passada, contra o Fortaleza, o Flamengo começou o duelo contra o RB Bragantino com grandes problemas dentro de campo. Sendo assim, a equipe de Paulo Sousa demostrou mais uma vez problemas para apresentar um mínimo de organização ofensiva e defensiva. Como resultado, o RB Bragantino abriu o placar aos 16 minutos, com Luan Cândido. Logo após cobrança de falta de Artur, Andreas Pereira afastou mal a jogada e a bola acabou sobrando para o lateral adversário marcar.

 

Posteriormente, a equipe de Bragança Paulista chegou a marcar novamente com o atacante Helinho, aos 27 minutos. Contudo, o adversário foi flagrado em impedimento pelo bandeirinha. Nos minutos finais do primeiro tempo, o Flamengo chegou a esboçar sinais de reação. Dessa forma, o Rubro-Negro conseguiu a quase empatar a partida aos 44 minutos com Vitinho, porém o camisa 11 perdeu uma grande chance.

Logo após um primeiro tempo ruim, o Flamengo voltou mais ligado na partida para a etapa final. O Rubro-Negro chegou a ter um pênalti marcado em cima de Andreas Pereira, aos 6 minutos. Todavia, o VAR interferiu na marcação e sinalizou o impedimento do camisa 18 do Mengão.

 

Posteriormente, em uma grande confusão envolvendo Matheuzinho e Luan Cândido gerou na expulsão do jogador do RB Bragantino, que acertou um tapa no rosto do jovem lateral Rubro-Negro. Com um a mais o Flamengo ensaiou uma grande pressão ao adversário, porém mais uma vez a equipe de Paulo Sousa mostrou carência na busca de soluções ofensivas. Desse modo, se viu refém de jogadas lançadas a áreas e em tentativas desesperadas atrás de um pênalti ou de um erro do adversário.

Por fim, sem sucesso na estratégia dentro de campo, o Flamengo amargou mais uma derrota no Campeonato Brasileiro. Com mais um resultado amargo, Paulo Sousa se vê a cada dia mais pressionado no cargo de técnico do Rubro-Negro. Sendo assim, o futuro do treinador no clube segue incerto.

Fonte: Diário do Fla