Início Notícias "A pergunta foi encomendada"; Eric Faria 'ferve' bastidor do Flamengo e situação...

"A pergunta foi encomendada"; Eric Faria 'ferve' bastidor do Flamengo e situação de Paulo Sousa piora no Ninho

A situação de Paulo Sousa no Flamengo piorou consideravelmente nesta quinta-feira (19). Dois dias após a vitória sobre a Universidad Católica pela Libertadores e a polêmica coletiva em que expôs sua insatisfação com o goleiro Diego Alves, o português participou de reunião conturbada no Ninho do Urubu.

O próprio Diego Alves, o gerente de futebol Bruno Spindel, o chefe do departamento médico do Flamengo, o meia Diego Ribas e Paulo Sousa expuseram seus pontos no debate. “Mas ainda não se chegou a um denominador comum para apagar esse incêndio”, informou o colega Fred Huber, do GE.

Foto: Jorge Rodrigues/AGIF – Paulo Sousa está em maus lençóis no Flamengo após polêmica com Diego Alves

Na coletiva de terça, o próprio Huber fez a pergunta que mais causou repercussão no clube – o motivo por Diego Alves não ter sido relacionado para o jogo diante dos chilenos. Na visão de Paulo Sousa, suas palavras foram mal-interpretadas.

“Paulo defende-se afirmando que em momento algum disse que Diego se colocou à disposição e sim que o goleiro havia dito a um fisioterapeuta estar ‘melhorzinho’ na véspera do jogo com os chilenos”, escreve Huber em matéria atualizada há pouco no GE.



Em participação no programa Seleção SporTV, o colega Eric Faria revelou que a pergunta feita sobre Diego Alves foi “encomendada” pelo técnico. Isso aconteceu pois o português queria falar sobre o assunto na coletiva, mas não tinha certeza se o fato seria questionado no momento.

“Essa pergunta foi encomendada pelo Paulo Sousa para um repórter que estava na coletiva, ou seja, ele imaginou que ninguém fosse tocar no nome do Diego Alves porque não era dia de se falar de Diego Alves. Ele sentiu a necessidade de falar isso que a gente ouviu”, contou Eric há pouco no programa.

Logo depois, com toda a repercussão, o próprio jornalista foi ao Twitter completar. “Bem, um esclarecimento. Quando falamos “pergunta encomendada” é como uma dica em off de que o assunto vai render. Simples. A palavra encomendar nada tem a ver com qualquer relação pessoal. No caso, o Fred Huber fez o que eu faria também. Você recebe a dica do assunto e decide usá-la ou não”.



Autor da pergunta na coletiva, Fred Huber também fez questão de se justificar no Twitter sobre o caso, desmentindo que a pergunta tenha sido encomendada. “Eu tinha a informação de que ele estava insatisfeito com o goleiro e usei a única chance que temos para fazer o questionamento. A pergunta é o de menos, o importante é a resposta (…) Não tem nada a ver com a assessoria do Flamengo.”

O apresentador André Rizek disse que a assessoria de Paulo Sousa entrou em contato com o programa para desmentir a acusação de encomenda e prometeu uma nota oficial. O programa encerrou antes que a nota tivesse chegado. Por seu lado, Diego Alves também expôs internamente que quer uma retratação por parte do técnico antes do próximo jogo pelo Brasileirão.

Fonte: Bolavip