Início Notícias ‘Diretoria banca o técnico e vai buscar reação nesses próximos jogos no...

‘Diretoria banca o técnico e vai buscar reação nesses próximos jogos no Rio’, diz Mauro Cezar

'Diretoria banca o técnico e vai buscar reação nesses próximos jogos no Rio', diz Mauro Cezar
Foto: Alexandre Vidal/CRF

Após empate contra o Ceará, a pressão dentro do Flamengo aumentou, principalmente no técnico Paulo Sousa. O Rubro-Negro, mais uma vez, não apresentou bom futebol e ficou no 2 a 2 contra o clube cearense. Durante o podcast ‘Posse de Bola’, o jornalista Mauro Cezar Pereira falou sobre o jogo e a atual fase do Mengão.

”O técnico foi contratado para fazer uma reformulação, para tirar jogadores da zona de conforto. Algumas experiências deram certo, outras não. Agora, o time não tem resultado. Mesmo quando tem desempenho, não tem resultado. Fisicamente parece que o time tem problemas e vai ficando claro a cada jogo e é curioso porque os jogadores foram poupados no meio de semana. E aí, o Paulo tem um grave erro que é de ter bancado em dado momento o Hugo, depois da contratação do Santos. A responsabilidade pelo empate sábado é diretamente do Hugo, mais uma. O Paulo Sousa vira sócio do Hugo no erro, porque contra o São Paulo lá atrás ele bancou o Hugo no Brasileirão. E o Hugo não tem condições de ser titular do Flamengo hoje, acho que falhou nos dois gols. O Hugo parecia que não era goleiro, ás vezes parece que ele está improvisado no gol. Pela altura dele, é um absurdo aquele gol”, disse, antes de emendar:

”Mas, reduzir ao Paulo Sousa todo problema, acho demais. Pela ineficiência dos jogadores, pelos problemas que o Flamengo enfrenta, pela existência de um adversário. A Flamimimi não aceita nada menos do que o Flamengo ganhando de 3, 4 a 0. Eles acham que o patar de 2019 vai ser eterno. Para voltar, precisa retomar um trabalho e isso demanda tempo, passa por processos. Jorge Jesus, na época era uma surpresa, que talvez hoje não seria mais. Seria mais desafiador. Mas as pessoas não pensam nisso, acham que é só trocar o treinador que resolve. A informação que eu tenho é que a diretoria está bancando o técnico e vai buscar nesses próximos cinco jogos no Rio uma reação”, finalizou Mauro.

Fonte: Diário do Fla