Início Notícias “Telefone pode tocar”: jornalista surpreende e define alvo para Marcos Braz no...

“Telefone pode tocar”: jornalista surpreende e define alvo para Marcos Braz no lugar de Paulo Sousa

Paulo Sousa balança no cargo do comando técnico do Flamengo após mais um tropeço. Com gol sofrido nos acréscimos, o Rubro-Negro ficou no empate com o Ceará na Arena Castelão e está mais próximo da zona do rebaixamento que do pelotão de cima. Com isso, nomes como o do técnico Cuca já são especulados na Gávea. Segundo o jornalista Júlio Miguel Neto, seu telefone pode tocar.

“O telefone do Cuca pode tocar. Algo que era impossível no Flamengo pode acontecer. O Cuca que tem um nome muito rejeitado na Gávea, a diretoria hoje já entende que o trabalho do Cuca é tiro curto, encaixa muito naquilo que o Flamengo está procurando”, disse o jornalista em live no Youtube no canal ‘Pilhado’, que pertence a Thiago Asmar, ex-Globo.



Cuca tem duas passagens pelo Flamengo em sua carreira. Em 2005 treinou a equipe quando lutou para não cair para a Série B. Já em 2009, ele foi campeão estadual, mas caiu no Brasileirão após deixar o time na parte de baixo da competição. Na sequência, o Rubro-Negro foi campeão nacional, sob comando de Andrade e com parceria de Petkovic e Adriano.

Foto: Fernando Moreno/AGIF – O último trabalho de Cuca foi pelo Atlético Mineiro, onde foi campeão de três competições

“O Marcos Braz, que é um dos braços do Rodolfo Landim, parece que esse braço está deslocado. O nome do Cuca começa a ser ventilado no Flamengo. É uma possibilidade caso o Paulo Sousa caia e são nomes que estão na pauta. O Jorge Jesus, mesmo tendo seu nome forte com a torcida, ele não só desagrada o Braz e Spindel, mas também o presidente. O Cuca não é que agrada tanto, mas é o mais possível. Se o Cuca for procurado, não é certo que aceite, pois está com essa situação de seleção brasileira. Ele só vem se a oferta for muito boa”, completou o jornalista.



O último Clube de Cuca foi o Atlético Mineiro. No ano passado, o treinador dirigiu a equipe mineira em 75 partidas e obteve 75% de aproveitamento com 52 vitórias, 14 empates e apenas 9 derrotas na temporada. Ele ainda foi campeão do Brasileirão, da Copa do Brasil e do Campeonato Mineiro com o Galo, detendo a equipe do Flamengo. Ao fim de 2021, Cuca deixou a equipe, alegando problemas familiares.

Fonte: Bolavip