Início Notícias Flamengo encara com normalidade o alto número de lesões no elenco

Flamengo encara com normalidade o alto número de lesões no elenco

Flamengo encara com normalidade o alto número de lesões no elenco
Foto: Gilvan de Souza/CRF

Por conta dos muitos desfalques nos últimos jogos, o Departamento Médico do Flamengo vem sendo criticado. Contra o Botafogo, foram cinco ausências para o técnico Paulo Sousa. Além desses, Pablo e Rodrigo Caio, que segundo o clube estavam recuperados, nem entraram em campo e deixaram questionamentos sobre a real condição de jogo.

De acordo com o ‘Goal’, esta situação delicada é tratada como normal internamente no Mengão. Apesar do clube admitir que o número é maior que o normal, as constantes viagens, sequência de jogos e a comparação com as outras equipes, fazem o clima ser de normalidade dentro da diretoria.

Ainda segundo o portal, a cúpula do Fla entende que os problemas vieram recentemente, especialmente em abril e maio. O sentimento, portanto, é de que nos primeiros meses do ano, o Flamengo não passou por essas dificuldades e o que acontece no momento é ‘normal’. Sobre o assunto, o presidente do clube, Rodolfo Landim, se pronunciou na noite da última segunda-feira.

”Vou preparar uma apresentação para vocês, para que possam conhecer todo o processo que existe. Como é feita a preparação do atleta, quais são as preocupações que a gente tem, como a gente faz a carga de exercícios para cada um deles. Quando há uma lesão, quais são os equipamentos que a gente tem, como fazer uma prevenção de uma lesão, tudo isso. Às vezes eu vejo na televisão que as pessoas falam de uma forma bem ampla, e não falam em dados, em dados comparativos com outros clubes”, disse Landim.

Fonte: Diário do Fla