Início Notícias "Tem que fazer direito"; Paulo Sousa 'bate boca' com atacante e situação...

"Tem que fazer direito"; Paulo Sousa 'bate boca' com atacante e situação é exposta no Flamengo

O Flamengo não foi bem diante do Athletico-PR e amargou sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro, após 1 vitória e 2 empates nas 3 primeiras rodadas (lembrando que a 4ª foi antecipada). A equipe comandada por Paulo Sousa não conseguiu ter sucesso no ataque e agora vai precisar se recuperar, pois ocupa apenas a 8ª posição, com 44.7% de aproveitamento.



A comissão técnica ainda vai realizando ajustes, buscando voltar ao caminho dos títulos, mas vem encontrando algumas dificuldades. O clima nos vestiários após o revés diante dos paranaenses, no último sábado (23), contou com um “babado”: de acordo com informações do jornalista Thiago Asmar, da Jovem Pan, o técnico Paulo Sousa fez uma cobrança direcionada a um atacante.

Durante uma live no canal “Pilhado”, no YouTube, o jornalista disse ter apurado junto a uma fonte do clube carioca que o treinador português foi cobrar o rendimento de Lázaro, que jogou em uma posição oposta ao lado onde costuma ir bem. Vale lembrar que o jovem acabou atuando pelo lado direito, já que Marinho ocupou a esquerda.

Foto: Thiago Ribeiro/AGIF – Lázaro foi cobrado pelo português.

De forma amigável, o garoto teria se manifestado: “Eu não estou me adaptando do outro lado”, disse, ao ser questionado pelo treinador do Flamengo, sendo rebatido na sequência: “Tá bom, mas tem que fazer direito”, teria afirmado o comandante técnico. Importante salientar que não houve brigas, apenas uma cobrança, que vem se tornando rotineira nos bastidores.



Hoje o Flamengo tem o clima de discussão, de cobrança, não no lado negativo. Isso tinha muito nos vestiário do Jorge Jesus e dava certo”, afirmou a fonte acima citada. Dessa forma, o “bate boca” deve ser algo tratado como normal, já que a intenção é tirar o máximo de desempenho de todos os atletas e conseguir atingir os objetivos desejados.

Fonte: Bolavip