“Tivemos várias conversas”; Paulo Sousa se rende a Marinho e explica porque não vem utilizando Pedro

O Flamengo recebeu o Palmeiras na noite da última quarta-feira (20) no Maracanã, em jogo adiantado da 4ª rodada do Brasileirão, mas não conseguiu deixar o gramado com os 3 pontos na babagem. O clube até chegou criar oportunidades para vencer o confronto, mas a falta de pontaria e as boas defesas de Weverton fizeram com que o clube carioca terminasse a partida sem tirar o 0 do placar com a equipe paulista.

Paulo Sousa fez de tudo para o Flamengo vencesse a partida. Com Lázaro apagado, o treinador tirou o meio-campista e colocou Marinho em seu lugar. O português vem dando chances para o atacante, que diante do São Paulo deu uma assistência importante para Arrascaeta. O comandante falou sobre o jogador em sua entrevista coletiva após a partida.



“O Marinho, sobretudo, tem compromisso como todos tem que ter. Procurando entender os valores táticos. Tem sido muito bom como hoje”, disse o comandante, que deve dar mais chances ao atacante para que ele possa encontrar ainda mais o seu futebol na equipe carioca.

Paulo Sousa explicou porque não tem utilizado Pedro. Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

A declaração do Paulo Sousa fez com que muitos torcedores e jornalistas questionassem o porque um atacante que chegou há pouco tempo no clube esta tendo mais chances que Pedro, que em março chegou a receber uma proposta do Palmeiras, mas acabou vendo Rodolfo Landim recusar prontamente a oferta. Nos últimos 5 jogos, o camisa 21 atuou apenas em 34 minutos: 10 mantido contra o Sporting Cristal, 8 minutos contra o Atlético Goianiense, 12 minutos contra o Talleres, e apenas 4 minutos contra o São Paulo.



No entanto, Paulo Sousa fez questão de encerrar o assunto dizendo que conversou com Pedro afirmando que conta com o atacante e explicou o porque não vem colocando o centroavante para jogar com frequência: “Tivemos várias conversas, mas não tivemos nada sobre minutagem. Jogos são diferentes. Disponibilidade do Pedro e de todos tem que ser máxima, porque qualquer momento a equipe precisa deles, e eles têm que estar prontos para poderem performar da melhor forma”, concluiu

Fonte: Bolavip