Início Notícias “No maior jogo do Brasil”; Gabigol solta a ira e não poupa...

“No maior jogo do Brasil”; Gabigol solta a ira e não poupa críticas à escolha que “atrapalhou” duelo contra o Palmeiras

O Flamengo recebeu o Palmeiras nesta quarta-feira (20) no Maracanã pela 4ª rodada do Brasileirão e ficou no empate em 0 a 0 com o rival paulista. Após a partida, Gabigol, não saiu nada satisfeito com a arbitragem da partida e não poupou críticas ao personagem que, segundo o camisa 9 da Gávea, foi uma barreira para que a boa partida disputada pelo Fla, resultasse em um placar mais positivo para o Rubro-Negro.

“O juiz atrapalhou muito o jogo. Ele deu falta que não era, coisas que não eram ele não dava. A gente quer nível europeu no futebol, mas tem que colocar também um juiz do nível europeu. No maior jogo do Brasil, talvez, colocaram um juiz que não deixava a bola rolar”, cravou Gabigol sobre o árbitro Wilton Pereira Sampaio.



Para o centroavante, o Mais Querido foi bem na partida, a ponto de praticamente anular o poder de fogo da equipe Alviverde: “A gente fez um bom jogo, fomos melhores que eles em todos os momentos. Eles não assustaram a gente em nenhum lance. A gente teve o meu gol impedido, teve alguns lances que poderíamos ter feito o gol, eles também tem a qualidade deles, então é natural que eles colocassem o estilo deles no jogo. Mas nós fizemos um bom jogo”, analisou o camisa 9.



Gabigol fez questão de enfatizar o trabalho realizado pelo técnico Paulo Sousa, que vem apresentando “ideias nada comuns”: “Tem um planejamento que a gente está seguindo. O Mister chegou com as suas ideias, ideias diferentes, ideias que, talvez, no Brasil não sejam muito comuns. É normal algumas pessoas estranharem. Ele usou o Carioca como experimento, então ele pôde rodar o time, colocar posições diferentes, e agora a gente vêm crescendo no Brasileiro, na Libertadores temos seis pontos. Agora é continuar nessa pegada, trabalhando para a gente conseguir melhorar”, concluiu o jogador.

Fonte: Bolavip