‘Paulo Sousa entendeu que quarteto ofensivo precisa jogar na sua função’, diz Zinho

(Foto: Gilvan de Souza)

Na última terça-feira, o Flamengo venceu o Talleres, no Maracanã, em partida válida pela 2ª rodada do Grupo H, da Liberadores. Paulo Sousa montou um esquema onde deu mais liberdade para o quarteto ofensivo do Mais Querido jogar e o resultado foi o triunfo.

Everton Ribeiro, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabi jogaram mais soltos com total liberdade para desempenhar os seus papéis dentro de campo. O resultado além da vitória foi que eles participaram diretamente dos três gols.

Durante o programa ‘ESPN FC’, Zinho elogiou a partida de Everton Ribeiro. O comentarista também destacou que Paulo Sousa teve humildade de entender as características do quarteto e deu liberdade para os atletas.

“Na partida de ontem, o Everton Ribeiro jogou na sua função, mais próximo de Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol. O Paulo Sousa teve a humildade de reconhecer que precisa que nesse quarteto cada um esteja na sua função, parecido com que é da característica deles, o Flamengo cresce”, disse Zinho.

O comentarista completou dizendo que o Flamengo se portou muito bem na partida contra o Talleres, e afirmou que se Paulo Sousa tiver a consciência de colocar o quarteto para desempenhar funções próximas as suas características, o Mais Querido vai brigar por títulos na temporada.

“Pegou o Talleres, que está longe de ser uma grande força, mas venceu bem e a vitória passou pela bela atuação desse quarteto. O quarteto funcionando o Flamengo tem condições de vencer suas partidas, méritos para o Paulo Sousa que entendeu isso e se ele tiver a consciência de fazer com que os jogadores do Flamengo joguem parecido com o que eles têm de melhor nas características, o clube vai brigar por títulos”.

Fonte: Diário do Fla