Através da sua assessoria, Abel Braga se desculpa por discurso feito nesta sexta-feira

(Foto: Reprodução)

Nesta sexta-feira, o clima foi muito turbulento no Ninho do Urubu. Conforme prometido, as organizadas foram para a porta do CT do Flamengo protestar. O que se viu foram cenas lamentáveis aos jogadores do Flamengo, entre xingamentos e atos que danificaram alguns carros de atletas.

Os vídeos do protesto rapidamente viralizaram nas redes sociais e muitas pessoas tiveram acesso, durante a cerimônia de instalação da taça de campeão Carioca na sala de troféus do Fluminense, Abel Braga falou sobre o acontecido no Ninho do Urubu, mas de uma maneira diferente.

“Me preocupa o que causamos um pouco de dano, o Ninho (CT do Flamengo) está sendo invadido, aquela coisa toda. Desculpem que se f** eles. Se a gente continuar com esse ambiente que nós temos, a gente vai conseguir coisas melhores”, disse Abel em discurso.

Também de maneira muito rápida, o vídeo com essa declaração viralizou nas redes e causou desconforto nos torcedores rubro-negros. Com a repercussão negativa que o discurso teve, a assessoria de comunicação entrou em cena e emitiu uma nota do treinador pedindo desculpas.

Veja abaixo a nota com o pedido de desculpas na íntegra:

“Hoje à tarde, em uma comemoração interna, soltei uma frase que gerou uma repercussão enorme. O futebol brasileiro se encontra em um estágio em que os protestos de torcedores estão cada vez mais fora dos limites. Por isso, gostaria de pedir desculpas, não pelo meu desabafo, até porque, esportivamente, quero o Fluminense sempre vencendo seus adversários no campo. Lembro que, há pouco tempo, nós passamos por isso no aeroporto. Entendo o torcedor, mas não compactuo com a violência. Por isso, reafirmo que em nenhum momento pretendi incentivar qualquer tipo de invasão ao centro de treinamento do Flamengo ou de qualquer outro clube. Já estamos com violência demais nesse país e no mundo. Sou da paz.”

Fonte: Diário do Fla