‘Flamengo não deveria vender o Michael’, diz Sergio Xavier Filho

(Foto: Marcelo Cortes)

O assunto do momento na Gávea é a venda de Michael para o Al Hilal, da Arábia Saudita. Nesse sentindo, já com conversas avançadas, a tendência é de que eventualmente o camisa 19 deixará o Flamengo. Com uma proposta milionária, o Flamengo terá grandes lucros com a transação. Todavia, para o comentarista Sergio Xavier Filho, o Mais Querido não deveria vender o jogador.

“Flamengo não deveria vender o Michael. Isso porque, o clube não está com a faca no pescoço. Evidentemente, tem um orçamento. O Michael é um jogador que pode resolver partidas de diversas maneiras, começando o jogo ou saindo do banco. É um jogador intuitivo, incontrolável e muito, mais muito, diferente”, comentou o jornalista no programa “Seleção SporTV”.

 

“Agora, tem outro aspecto, que é o do jogador. O Michael quer ir para o exterior? Quer jogar lá fora? Fazer um pé de meia? Então assim, se atleta se quiser a saída, aí sim, o Flamengo tem que vender o jogador. Temos que respeitar e entender a decisão dos jogadores”, concluiu.


Por fim, ao que tudo indica é que o adeus de Michael está cada dia mais próximo. A negociação com o Al Hilal está por questões burocráticas para se concretizar. Ainda existe o imbróglio dos 5% dos direitos econômicos do atleta, pertencentes ao Goiás. Fora isso, a porta está aberta para a saída do jogador.

Publicado em diariodofla.com.br