Início Notícias Nem Everton Ribeiro, tampouco Gabigol: Tite quer “afirmação” de peça-chave do Flamengo...

Nem Everton Ribeiro, tampouco Gabigol: Tite quer “afirmação” de peça-chave do Flamengo e vai além com motivo

A Seleção Brasileira enfrenta o Equador (fora) e o Paraguai (casa), nos dias 27 de janeiro e 01 de fevereiro, respectivamente; os duelos são válidos pelas Eliminatórias 2022. Na coletiva em que apresentou os 26 convocados, Tite confessou que espera ver mais de um nome que é peça-chave no Flamengo, mas anda meio afastado do protagonismo e, consequentemente, da Amarelinha.

“Não dá para fechar conceitos. O que a gente procura são jogadores com diferentes características, e nisso está a expectativa por Pedro, também por nós, de uma continuidade, afirmação, menos lesões… Ele já tinha sido convocado. É um jogador mais de área, específico, para ter essa concorrência”, sinalizou o treinador.



Em novembro de 2020, quando foi convocado para representar a Seleção nas Eliminatórias, o centroavante vivia grande fase no Mais Querido. Na época, o camisa 21 estava com 20 gols em 36 partidas, sendo um dos grandes protagonistas do time comandado pelo técnico Rogério Ceni. Sobre as características do jovem, Adenor Bachi explicou porque estas seriam ideais para a montagem do grupo.

Foto: Flickr Oficial CBF/Lucas Figueiredo | Pedro é monitorado por Tite na Seleção Brasileira

“Às vezes, essa dupla de ataque pode se complementar. O futebol é uma estrutura. Na medida que temos dois atacantes de lado, que sejam muito verticais, podemos ter um jogador de articulação. O que não dá para abrir mão é ter um complemento de setor e jogadores para diferentes necessidades do jogo”, disse.



Tite aproveitou para lembrar de um duelo apertado, no Morumbi: “Exemplo do jogo entre Brasil e Venezuela, 1 a 0 para o Brasil. Chega a 15’ do 2º tempo, colocamos dois jogadores enfiados. Ficou dois pivôs, dois externos e dois meias. Por que? Porque a Venezuela marcava somente do meio-campo para trás. Ali foi determinante para que tivéssemos a condição de vencer”, finalizou o comandante do time canarinho.

Publicado em bolavip.com