Início Notícias Gabi fica em 2º na votação para Rei da América; Arrascaeta e...

Gabi fica em 2º na votação para Rei da América; Arrascaeta e Arão entram em seleção ideal

Foto: Alexandre Vidal

Desbancando Gabi, o artilheiro e melhor jogador da Libertadores deste ano, Julián Alvarez venceu o prêmio ”Rei da América” 2021. A tradicional eleição que define o melhor jogador do continente da temporada, é realizada pelo jornal uruguaio ”El País” e conta com a indicação de jornalistas esportivos de toda América do Sul, sendo divulgada anualmente no dia 31 de dezembro.

O atacante de 21 anos ficou em primeiro colocado na votação, recebendo 28% dos votos, contra 21% do camisa 9 do Flamengo. Após 2 anos com os brasileiros no topo (Gabigol em 2019 e Marinho em 2020), um atleta argentino volta a conquistar o ”Rei da América”. Além de Gabi, Bruno Henrique e Everton Ribeiro foram um dos candidatos ao prêmio.

Alvarez marcou 29 gols em 67 partidas nesta temporada, além de atuar cinco vezes pela seleção da Argentina. Tratado como uma das maiores promessas do futebol argentino, o prata da casa do River Plate teve papel fundamental na conquista do campeonato nacional, anotando 18 gols e nove assistências  em 21 jogos.

Veja também: Operação Coutinho: Braz e Spindel encontraram com o staff do jogador na Europa

 

Julián Álvarez, atacante do River Plate eleito "Rei da América" em 2021 — Foto: Reuters
Julián Álvarez, atacante do River Plate eleito “Rei da América” em 2021 — Foto: Reuters

Ainda que um argentino tenha levado o prêmio de ”Rei da América”, a seleção ideal da temporada foi dominada por brasileiros. Dos onze atletas escolhidos, 6 são Brasileiros. Além de Gabigol, o uruguaio Arrascaeta e o volante Willian Arão também representaram o Flamengo na escalação dos melhores jogadores de 2021.

 

Veja a seleção ideal da temporada 2021 eleita pelo jornal uruguaio El País:

Time ideal da temporada: Weverton (Palmeiras); Byron Castillo (Barcelona-EQU), Gustavo Gómez (Palmeiras), Junior Alonso (Atlético-MG) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Willian Arão (Flamengo), Raphael Veiga (Palmeiras) e Arrascaeta (Flamengo); Julián Álvarez (River Plate), Hulk (Atlético-MG) e Gabigol (Flamengo). Téc.: Abel Ferreira (Palmeiras)

Publicado em diariodofla.com.br