Início Notícias ‘Imprensa brasileira está ignorando péssimo trabalho do Jesus no Benfica’, diz Cahê...

‘Imprensa brasileira está ignorando péssimo trabalho do Jesus no Benfica’, diz Cahê Mota

O noticiário rubro-negro foi muito agitado nesta terça-feira, mesmo com o nome de Paulo Sousa definido para ser o treinador do Flamengo, a demissão de Jorge Jesus fez com que a Nação fosse as redes sociais pedir o retorno do Mister. No programa ‘Tá na Área’, o jornalista Cahê Mota falou sobre o último trabalho do português.

“Uma coisa que eu acho que a gente como imprensa brasileira está ignorando muito é o péssimo trabalho que o Jorge Jesus fez no Benfica, um trabalho muito ruim como performance. Outra coisa que está sendo ignorada é o que aconteceu ontem em Lisboa, algo que é muito grave. Um grupo de 30 jogadores se recusou a treinar e a trabalhar com um treinador. Então além da performance ruim dentro de campo, uma performance ruim gerindo o seu grupo”, disse Cahê Mota.

O jornalista ainda falou “A postura do Jorge Jesus a gente conhece desde 2019, o português não tem uma postura das mais simples. Uma frase que eu sempre escutei no Flamengo foi enquanto está ganhando, a gente vai suportando. A gente tem essa imagem imaculada do Jesus de 2019, mas quando as coisas não acontecem como agora no Benfica, vemos que as coisas complicam com ele dentro e fora de campo”.

Por fim, o comentarista Conrado completou “No futebol brasileiro quem ganha vale tudo, se o cara ganhou com dez jogadores atrás o bonito é jogar com dez atrás. Se ganhou atacando, o que vale é atacar. Como o Jorge Jesus estava ganhando ele podia tudo, ir na orelha do Reinier no meio do campo com todas as câmeras filmando que era lindo, exemplo de profissional. Se tivesse perdendo, a análise é de que era um cara que não tinha controle do grupo e que estava atrapalhando um garoto a se desenvolver é assim que funcionam as coisas no Brasil”.

Fonte: Diário do Fla