Jornalista diz que diretoria precisa expor recusa de Jorge Jesus ao Flamengo

Jorge Jesus no Benfica – Foto: Divulgação

COLUNA DO FLA: À procura de um novo comandante, o Flamengo segue atento ao mercado de técnicos. A diretoria, inclusive, já definiu que o nome será de um português. O grande desejo da torcida é de que Jorge Jesus volte ao Mengo, no entanto, essa possibilidade é remota. Para o jornalista Vitor Guedes, do UOL, o Rubro-Negro deve deixar claro para a torcida que o Mister recusou o clube – além de afirmar que a equipe não pode mais errar na escolha do treinador.

— O problema do Flamengo que eu vejo, é que até o Guardiola ou o Klopp sofreriam uma primeira rejeição, que não fosse o Jesus. Então quem o Flamengo trouxer, tem que deixar muito claro pra torcida assim: “Olha, o cara não quis vir, não adianta, não foi que gente que não quis”. Ou qualquer treinador que chegue vai ser interino, porque o que o Jesus fez em 19, nenhum outro fez e talvez nem o Jesus faça de novo. E o elenco do Flamengo ainda é parecido, só que envelhecido. Mas quem faz a diferença ainda está lá, disse antes de completar:

— O Flamengo não pode errar de novo. Eu acho que o Flamengo errou três vezes: errou com o Domènec, errou com o Rogério Ceni e errou com o Renato. O Flamengo tem o melhor elenco do país, pra mim é melhor que o do Atlético-MG, tem uma torcida gigante, tem dinheiro, mas se você tem tudo isso e errar no técnico… Não acho uma boa fazer economia agora, paga a multa, finalizou.

Neste cenário, há uma indefinição sobre o futuro técnico. Além de Jorge Jesus, outros treinadores portugueses como Carlos Carvalhal, Vitor Pereira, Paulo Sousa, Paulo Fonseca e André Villas-Boas tiveram os seus nomes ligados ao Mais Querido. Com viagem marcada para a Europa, a diretoria, representada por Marcos Braz e Bruno Spindel, será responsável por determinar quem será o novo comandante da equipe.