Marcos Braz admite que Flamengo irá atrás de Jorge Jesus

Marcos Braz cumprimentando Jorge Jesus em sua apresentação no Flamengo
Marcos Braz cumprimentando Jorge Jesus em sua apresentação no Flamengo – Foto: Alexandre Vidal

Após a confirmação da reeleição de Rodolfo Landim para presidente do Flamengo, neste sábado (05), o vice-presidente de futebol do clube, Marcos Braz, respondeu perguntas de jornalistas presentes no local e falou sobre busca do clube por um novo treinador. Braz reconheceu que Jorge Jesus, atualmente no Benfica, é uma alternativa, mas afirmou que a diretoria “só vai se mexer” ao término do Brasileirão.

– (Jorge Jesus) não é um plano, é uma opção. É uma temeridade eu chegar e falar de Jorge Jesus até pela situação dele no Benfica nesse momento. Ele é um técnico que deu certo no Flamengo, é um técnico que a torcida e ele têm bastante conexão, até porque ganhou muito aqui. O que eu estou falando é que a gente não vai se mexer antes de acabar o Campeonato Brasileiro. Temos dois jogos, contra Santos e Atlético-GO. Eu vou estar lá, como em todos os jogos. Após isso a gente vai se mexendo no mercado. Mas não tem ninguém mapeando, nenhum agente mapeando nada no mercado. Quem está vendo e mapeando quem pode de fato treinar o Flamengo é o departamento de futebol do Flamengo, declarou.

O português Carlos Carvalhal, atualmente com 56 anos e no comando do Braga, de Portugal, também foi especulado no rubro-negro carioca. E Marcos Braz declarou que ter conversado com o treinador, mas em outra ocasião.

– Eu já fiz contato com o Carvalhal há quase um ano, não agora. Assim como outros técnicos, mas estou te respondendo que já tive de fato um contato com ele (Carvalhal). Mas o Carvalhal tem contrato. Essa janela é um pouco diferente, ainda está todo mundo com contrato, não é final de temporada.

Sem Renato Gaúcho, demitido após a derrota na final da Libertadores, o Flamengo fará seus últimos jogos na temporada sob o comando de Maurício Souza, como já ocorreu diante de Bahia e Sport.

Publicado em FlaResenha